2 eventos ao vivo

Após fracasso, Eto'o abre porta para ser treinador de Camarões

15 jul 2010
08h17

O atacante Samuel Eto'o admitiu nesta quinta-feira o desejo de se tornar o treinador da seleção de Camarões assim que encerrar a carreira. Em entrevista ao jornal francês Le Parisien, o camisa 9 da Inter de Milão disse que sonha em dirigir a equipe nacional um dia.

O desejo, no entanto, não significa a aposentadoria precoce do atacante. Eto'o confirmou que pretende defender a seleção "até quando as pernas permitirem". Nem a eliminação precoce na Copa do Mundo atrapalhou os planos.

No Mundial, a seleção de Camarões foi dirigida pelo francês Paulo Le Guen, que não teve bom relacionamento com os jogadores. Eto'o não chegou a reclamar publicamente do treinador, mas outros atletas fizeram, o que atrapalhou o clima dentro do grupo.

Eto'o sonha em ser técnico da seleção camaronesa, mas descarta aposentadoria
Eto'o sonha em ser técnico da seleção camaronesa, mas descarta aposentadoria
Foto: AFP
Fonte: Terra
publicidade