0

Assessor veta norte-coreano de falar sobre vitória da Coreia do Sul

12 jun 2010
16h10
atualizado às 16h19
Celso Paiva
Direto de Johannesburgo

A rivalidade entre as Coreias é declarada e parece que saiu da política para os campos de futebol. Horas depois da vitória da Coreia do Sul sobre a Grécia, por 2 a 0, na estreia da equipe asiática na Copa do Mundo, a vizinha do Norte realizou um treinamento visando a preparação para o duelo contra o Brasil, no próximo dia 15.

Já sabendo o que poderia vir pela frente na entrevista concedida pelo meio-campista Kim Yong Jun, o assessor de imprensa da seleção norte-coreana solicitou a um membro da Fifa que desse um aviso aos jornalistas: "se atenham apenas a perguntas relacionadas ao futebol, não falem de política".

Um dos repórteres mostrou esperteza e logo na primeira pergunta arranjou um jeito de colocar a Coreia do Sul em sua indagação. "Gostaria de saber se os jogadores assistiram à vitória da Coreia do Sul sobre a Grécia e, se sim, o que acharam do desempenho da equipe vizinha?".

O assessor Kim Myong Chol, que funcionava como um tradutor para Jun que não sabe falar inglês, nem repassou a pergunta ao jogador, tomando a palavra para si. "Para nós não interessa os outros grupos, apenas os adversários da nossa chave (Brasil, Portugal e Costa do Marfim). Por favor, perguntem apenas sobre estes rivais".

Coube então aos jornalistas questionarem sobre a Seleção Brasileira. Para Jun, a Coreia do Norte pode fazer diferença no jogo coletivo. "Desde que comecei a jogar futebol aprendi que é um esporte coletivo e não individual. Somos 11 jogadores com a mesma mentalidade, os mesmos pensamentos e isso é o mais importante. Dessa forma, podemos diminuir a vantagem, a superioridade individual do Brasil".

A rixa entre Coreia do Sul e Coreia do Norte voltou a tomar força em março deste ano. Os sul-coreanos acusam o regime de Kim Jong-Il de ter afundado uma de suas fragatas de guerra, causando a morte de 46 militares. A situação gerou uma nova crise diplomática entre os países, que desde a guerra que os separou nos anos 50, ainda não assinaram um acordo de paz.

Copa 2010 no celular

Notícias, fotos, classificação, tabelas, artilheiros, estatísticas e curiosidades também estão no celular.
Acompanhe o minuto a minuto de todos os jogos do Mundial e escolha os melhores em campo.
Acesse: m.terra.com.br/copa
Baixe o aplicativo: m.terra.com.br/appcopa
SMS: receba as noticias e os gols da Seleção no seu celular; envie COPA para 83772

Assessoria da Coreia do Norte vetou perguntas sobre país vizinho
Assessoria da Coreia do Norte vetou perguntas sobre país vizinho
Foto: AP
Fonte: Terra
publicidade