0

Eliminado na África, técnico pode deixar Costa do Marfim

26 jan 2010
13h16
atualizado em 28/1/2010 às 20h17

O técnico da Costa do Marfim, o bósnio Vahid Halilhodzic, disse nesta terça-feira que considera a possibilidade de deixar o cargo por causa da eliminação da equipe para a Argélia nas quartas de final da Copa Africana de Nações.

"Sou consciente de que, como técnico, tenho minha parcela de responsabilidade. A situação é difícil, pode acontecer qualquer coisa, incluindo encerrar minha missão. Não temo o que virá depois, manterei a dignidade, aconteça o que acontecer", disse o treinador à imprensa bósnia.

O técnico criticou seus comandados pela "passividade nos momentos cruciais da partida" de domingo, vencida pelos argelinos por 3 a 2 na prorrogação, e disse que eles "não conseguiram suportar a enorme pressão" de serem favoritos ao título continental.

Halilhodzic se mostrou "decepcionado e abatido, após dois anos de trabalho e uma série de 23 partidas de invencibilidade".

Costa do Marfim é adversária do Brasil na Copa
Costa do Marfim é adversária do Brasil na Copa
Foto: AFP
EFE   
publicidade