7 eventos ao vivo

Henry não jogará mais pela seleção da França

15 jul 2010
12h11
atualizado às 12h21

O atacante francês Thierry Henry, poucos dias depois de ter trocado o Barcelona pelo New York Red Bulls, anunciou que não continuará atuando pela seleção francesa depois do vergonhoso papel que tiveram na Copa de 2010.

Henry deixa a seleção como maior artilheiro da história da França
Henry deixa a seleção como maior artilheiro da história da França
Foto: Reuters

O atleta é o principal artilheiro da história da seleção, tendo marcado 51 gols com a camisa dos azuis e deixará de atuar pelo selecionado 13 anos depois de sua primeira convocação.

Além disto, o atacante anunciou que não quer fazer como David Beckham, que atua nos Estados Unidos durante a temporada da MLS e depois volta à Europa para jogar pelo Milan.

Segundo Henry, seu futuro está somente no New York Red Bulls, time pelo qual está completamente comprometido e assinou um contrato de quatro temporadas e meia, planejando jogar até os 38 anos na equipe norte-americana.

Henry estava no Barcelona, onde venceu dois Campeonatos Espanhois, uma Copa do Rei, uma Supercopa da Espanha, uma Copa dos Campeões, uma Supercopa da Europa e um Mundial de Clubes da Fifa, além de ter sido campeão da Copa do Mundo de 1998, com a França.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade