0

Inglaterra luta contra "zebra" eslovena e tabu histórico

23 jun 2010
02h26
atualizado às 11h34
Diego Garcia

O Grupo C do Mundial da África do Sul será definido nesta quarta-feira, às 11h (de Brasília), com dois jogos decisivos. Em Port Elizabeth, a Inglaterra recebe a surpresa eslovena, líder da chave, e precisa vencer para espantar o fantasma da eliminação precoce, algo que não acontece desde a Copa de 1958.

Já os Estados Unidos encaram os argelinos, em Pretória, com a necessidade do triunfo para repetir a boa campanha da Copa das Confederações, quando foram vice-campeões. Todas as seleções têm chances de classificação nos duelos desta quarta.

Eslovênia x Inglaterra - confronto da zebra contra a tradição

Tido como um dos favoritos ao título, o selecionado inglês terá no embate desta quarta sua última chance de provar sua força em campo, e jogará com o retrospecto ao seu lado contra a surpresa eslovena.

Por enquanto, apenas dois decepcionantes empates marcaram a campanha da Inglaterra na Copa. A Eslovênia precisa apenas não perder no Estádio Estádio Nelson Mandela Bay para avançar.

A história se repete? - No México em 1986, os britânicos somaram somente um ponto nos dois primeiros duelos e se classificaram no jogo decisivo, contra a Polônia (vitória por 3 a 0). Na Itália em 1990, foram dois empates nos encontros iniciais e classificação após o triunfo por 1 a 0 sobre o Egito. Na ocasião, acabou semifinalista.

Tabus britânicos - foi na distante Copa de 1958, na Suécia, que a Inglaterra caiu pela segunda e última vez na primeira fase (a primeira foi em 1950, no Brasil). Além disso, os ingleses só foram derrotados uma única vez na última rodada da fase de grupos: em 1950, quando perdeu da Espanha por 1 a 0.

Nanico x Gigante - a Eslovênia é o menor país em extensão territorial na Copa, com 20.273 km² e apenas dois milhões de habitantes. Números irrisórios perto dos 130 395 km² de área inglesa e dos mais de 50 milhões de pessoas morando no país.

Inexperiente - os eslovenos disputa apenas sua segunda Copa desde que se tornou independente da Iugoslávia em 1991, enquanto os ingleses estão na 13ª, com um título (em 1966). A participação solitária foi em 2002, quando não passaram nem da primeira fase e não conquistaram nem um ponto sequer.

Revanche - no dia 5 de setembro de 2009, em Londres, a equipe da casa venceu por 2 a 1, em um amistoso. É a chance do troco da Eslovênia. Essa foi a única partida da história do confronto.

Estados Unidos x Argélia - pela segunda vaga do grupo

Americanos e argelinos se enfrentam no Estádio Loftus Versfeld no mesmo horário do outro jogo da chave. Os EUA precisam de uma vitória simples para avançarem, enquanto os africanos têm que ganhar e ainda torcer para uma combinação de resultado na outra partida da chave.

Para a equipe do norte da África, além do próprio triunfo, é necessário um empate ou qualquer vitória dos eslovenos sobre a Inglaterra. Um triunfo dos britânicos também poderia ajudar, mas nesse caso a disputa seria no saldo de gols, já que Argélia e Eslovênia somariam quatro pontos.

Vingança americana - em 2006, os Estados Unidos chegaram à última rodada do Grupo E precisando derrotar outro país africano para se classificar, mas fracassaram diante de Gana (2 a 1) e deram adeus à competição na última posição da chave.

A maldição do terceiro jogo - os EUA jamais venceram ou sequer empataram em um terceiro jogo de Copa do Mundo. Perderam em todas as sete vezes que disputaram essa partida (em 1934, foram eliminados no primeiro embate).

Em busca da primeira vez - a Argélia jamais avançou às fases eliminatórias nas Copas que participou, mas teve chances de classificação no terceiro jogo da chave nas duas vezes. Em 1982, venceu o Chile por 3 a 2 e só não avançou porque a Áustria "entregou" para a Alemanha, perdendo por 1 a 0 e classificando os dois países. Já em 1986, precisava vencer a Espanha, mas levou 3 a 0 e deu adeus àquele Mundial.

Copa 2010 no celular

Notícias, fotos, classificação, tabelas, artilheiros, estatísticas e curiosidades também estão no celular.
Acompanhe o minuto a minuto de todos os jogos do Mundial e escolha os melhores em campo.
Acesse: m.terra.com.br/copa
Baixe o aplicativo: m.terra.com.br/appcopa

Mesmo em má fase, Rooney é principal esperança inglesa para evitar vexame histórico
Mesmo em má fase, Rooney é principal esperança inglesa para evitar vexame histórico
Foto: Getty Images
Fonte: Especial para Terra
publicidade