2 eventos ao vivo

Lula manifesta apoio ao Uruguai na Copa do Mundo

6 jul 2010
13h48
atualizado às 14h02

O presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva disse durante sua visita ao Quênia nesta terça-feira que apoia o Uruguai na Copa do Mundo após a eliminação da Seleção Brasileira.

"Seremos todos torcedores do Uruguai, depois da eliminação do Brasil, da Argentina e do Paraguai, para que o Uruguai seja campeão do mundo", disse, indicando que não tinha "nada contra os europeus".

"Quero que tudo fique a favor do Mercosul", declarou, referindo-se ao bloco que reúne Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai.

Lula chegou ao Quênia nesta terça-feira para a terceira visita de sua viagem africana, que também o levará à África do Sul.

O presidente brasileiro disse que continuará "desejando que vença a melhor equipe" na África do Sul. "Mas meu coração está partido. Na primeira vez que falo da eliminação do Brasil, só posso dizer às pessoas e aos jogadores que a vida é assim", considerou.

Segundo a análise futebolística de Lula, apesar de o Brasil ter o melhor goleiro do mundo e os atacantes mais brilhantes das grandes ligas do planeta, a seleção perdeu nas quartas de final porque seus jogadores perderam a concentração.

Apesar disso, Lula pediu aos brasileiros que não percam a fé após a eliminação na África do Sul e prometeu que o país será hexacampeão em casa, em 2014.

"A vida é feita de derrotas e de vitórias e precisamos saber que a luta continua. Não perderemos o entusiasmo e nos prepararemos para a Copa de 2014", afirmou Lula.

O presidente do Quênia, Mwai Kibalki, disse que seu país tentará garantir uma vaga na Copa do Mundo do Brasil.

Copa 2010 no celular

Notícias, fotos, classificação, tabelas, artilheiros, estatísticas e curiosidades também estão no celular.
Acompanhe o minuto a minuto de todos os jogos do Mundial e escolha os melhores em campo.
Acesse: m.terra.com.br/copa
Baixe o aplicativo: m.terra.com.br/appcopa

Mwai Kibalki e Lula aproveitaram o encontro para falar de futebol
Mwai Kibalki e Lula aproveitaram o encontro para falar de futebol
Foto: AP
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade