0

Norte-coreanos querem vencer o Brasil e virar lendas

14 jun 2010
19h40

A seleção norte-coreana está pronta para enfrentar o Brasil nesta terça-feira. Os desconhecidos adversários da primeira rodada consideram a partida contra a seleção pentacampeã uma oportunidade para entrarem na história e virarem lendas em seu país natal.

Jogadores treinam às vésperas da estreia
Jogadores treinam às vésperas da estreia
Foto: / Terra

O mais animado com a partida contra os brasileiros era Choe Kum-Chol, atacante reserva da seleção e que marcou dois gols decisivos para a classificação da Coreia para a Copa. O jogador chegou a ser comparado a Pak Do-Ik, que fez o gol mais importante da história do país, na vitória contra a Itália na Copa de 1966.

"Quando as pessoas começam a me comparar com nossa lenda, tudo que eu posso fazer é sorrir. Mas nós sabemos que podemos virar lendas também com esta Copa do Mundo e este é o nosso sonho", falou Choe Kum-Chol, de apenas 23 anos.

O técnico asiático também confia no desempenho de seu time. "Nossos adversários são fortes, mas o futebol ensina que nem sempre os melhores vencem. Daremos o nosso melhor e tentaremos conquistar os três pontos contra qualquer adversário", disse Kim Jong-Hun, que contou o objetivo da equipe: "queremos chegar às oitavas".

"Nossos rivais esperam que joguemos somente na defesa, pois foi assim durante boa parte das Eliminatórias. Entretanto, sei que podemos surpreender o Brasil jogando no ataque. Nosso time pode usar uma boa tática e você só sabe o que vai acontecer quando a partida acabar", encerrou o treinador.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade