10 eventos ao vivo

Sem C. Ronaldo, Messi e Kaká, Grécia apela para retranca

17 jun 2010
08h02
atualizado às 08h29

O técnico da Grécia, Otto Rehhagel, reclama da falta de qualidade técnica de sua equipe. Desta forma, a única maneira que o treinador observa para surpreender na Copa do Mundo de 2010 é apelar para uma postura defensiva.

Otto Rehhagel "lamenta" ausência de craques em sua equipe
Otto Rehhagel "lamenta" ausência de craques em sua equipe
Foto: Reuters

"Se um dia eu tiver o Cristiano Ronaldo, o Kaká e o Messi em meu time, então eu jogarei no ataque", ironiza o comandante.

Otto Rehhagel lembra que sua tática defensiva trouxe resultados importantes. Em 2004, o técnico liderou a Grécia na surpreendente conquista da Eurocopa, ao vencer o anfitrião Portugal na decisão por 1 a 0.

Na Copa do Mundo, a Grécia, contudo, teve um início decepcionante. O time europeu acabou dominado pela Coreia do Sul e saiu de campo derrotado por 1 a 0.

Nesta quinta-feira, os gregos buscam a reabilitação. O adversário será a Nigéria, às 11 horas, na cidade de Bloemfontein.

Copa 2010 no celular

Notícias, fotos, classificação, tabelas, artilheiros, estatísticas e curiosidades também estão no celular.
Acompanhe o minuto a minuto de todos os jogos do Mundial e escolha os melhores em campo.
Acesse: m.terra.com.br/copa
Baixe o aplicativo: m.terra.com.br/appcopa
SMS: receba as noticias e os gols da Seleção no seu celular; envie COPA para 83772

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade