1 evento ao vivo

Técnico argentino "corneta" Dunga e critica Brasil sem brilho

18 jun 2010
06h30
atualizado às 06h42

Nem mesmo um técnico que chegou ser parâmetro de comparação para Dunga deixou de fazer críticas ao futebol da Seleção Brasileira. Responsável por barrar o então jovem talento Diego Armando Maradona na Copa do Mundo de 1978, o argentino César Luis Menotti alfinetou o time verde-amarelo na vitória magra e ofuscada por 2 a 1 sobre a Coreia do Norte, terça-feira, pelo Grupo G do campeonato na África do Sul.

Em seu blog no jornal espanhol El País, Menotti ressaltou apenas dois jogadores como destaques da Seleção: o lateral direito Maicon e o atacante Robinho. Quanto a Dunga, que levou à África do Sul um elenco recheado de volantes e com escassez de jogadores com mais técnica, sobraram cutucões.

"O Brasil não brilha, não é uma valsa", escreveu Menotti, responsável por levar a Argentina ao seu primeiro título em Copas do Mundo. "O time, porém, mantém sua estirpe, corporizada nas canelas de Robinho e nas projeções ofensivas de Maicon", acrescentou.

Depois de uma primeira rodada de poucos gols nos oito grupos da Copa, Menotti prevê uma melhora no nível nesta segunda etapa da primeira fase e elencou as equipes candidatas a boas vitórias.

"Alemanha, Holanda, Argentina (apesar de Dunga), Espanha (apesar da derrota), talvez Chile e quem sabe a Costa do Marfim", citou.

O atacante santista voltou a ser citado por Menotti como uma das esperanças de bom futebol no Mundial. "Não me interessa quem será o campeão, quero desfrutar com Alemanha e Ozil, com Brasil e Robinho, com Argentina e Messi, com Holanda e Sneijder", finalizou.

Copa 2010 no celular

Notícias, fotos, classificação, tabelas, artilheiros, estatísticas e curiosidades também estão no celular.
Acompanhe o minuto a minuto de todos os jogos do Mundial e escolha os melhores em campo.
Acesse: m.terra.com.br/copa
Baixe o aplicativo: m.terra.com.br/appcopa

Para Menotti, o Brasil de Dunga "não brilha"
Para Menotti, o Brasil de Dunga "não brilha"
Foto: Reinaldo Marques / Terra
Fonte: Terra
publicidade