Boletim
Receba todas as novidades por email

 Fale conosco
Envie suas sugestões ao canal

 
Rep Holanda 
Nome Johny Rep
Nacionalidade: Holandês
Data de nascimento: 25/11/1951
Local de nascimento: Zaandam, Holanda
Posição: Atacante
Mundiais disputados: 1974 e 1978
Colocações: 1974 e 1978 - Vice-campeão
Partidas disputadas: 14
Minutos jogados: 1158
Gols: 7
 

Johny Rep foi um dos membros da famosa "Laranja Mecânica" do treinador Rinus Michels. Naquela equipe destacavam-se jovens de extraordinário talento, como Cruyff, Neeskens, Krol, e o próprio Rep, que aplicaram o sistema de "futebol total" baseado na flexibilidade e trocas de posições no campo de jogo, o que dava uma grande espetacularidade e qualidade ofensiva à equipe.

Com a camisa holandesa, Rep tornou-se um dos principais protagonistas nas Copas de 1974 e 1978.

Em 74, apesar de ter sido considerada a melhor equipe do campeonato, os holandeses ficaram às portas do título diante da Alemanha de Beckenbauer, Vogts e Breitner.

Quatro anos depois voltaram a repetir o título de vice-campeões, desta vez diante da anfitriã Argentina, de Mário Kempes.

Durante estas duas Copas, o atacante marcou sete gols, o que o converteu no maior artilheiro holandês em toda a história da competição.

No Ajax conviveu com os grandes gênios da seleção holandesa, conquistando três Copas dos Campeões da Europa consecutivas, de 1971 a 1973, duas Supercopas e uma Copa Intercontinental, em 1972, na qual foi protagonista absoluto ao marcar dois gols decisivos para o título.

Além do Ajax, jogou durante duas temporadas no Valencia, da Espanha, e no Bastia, de Córcega.

Redação Terra

 
 
Clubes nos quais atuou
1971
a 1975
Ajax
(Holanda)
1975
a 1977
Valencia
(Espanha)
1977
a 1979
Bastia
(França)
1979
a 1983
Saint-Etienne
(França)
1983
a 1984
Zwole
(Holanda)
1984
a 1986
Feyenoord
(Holanda)
1986
a 1987
Haarlem
(Holanda)