Boletim
Receba todas as novidades por email

 Fale conosco
Envie suas sugestões ao canal

 
Seleções
Sábado, 17 de junho de 2006, 13h47 
Coréia pretende dispensar atletas do serviço militar
 
Últimas de Coréia do Sul
» Novo técnico da Coréia do Sul promete evolução
» Zenit me traz um novo desafio, diz Advocaat
» Coréia do Sul tem novo técnico holandês
» Coréia do Sul atribui derrota à arbitragem
» Todas as notícias de Coréia do Sul
Busca
Faça sua pesquisa na Internet:

O governo da Coréia do Sul anunciou neste sábado que, caso a seleção nacional avançe às oitavas-de-final da Copa 2006, os oito jogadores do time que ainda têm idade para serem recrutados pelo Exército serão dispensados do serviço militar obrigatório.

Segundo a imprensa local, a medida é de grande impacto e demonstra o grau de prestígio atingido pelo futebol no país, já que o serviço militar na Coréia do Sul dura dois anos e não existem exceções para atletas.

A Coréia do Sul, que estreou no Mundial com uma vitória sobre o Togo por 2 a 1, lidera o grupo G.

Neste domingo, o time asiático enfrenta a França, pela segunda rodada da competição.
 

Lancepress!