Boletim
Receba todas as novidades por email

 Fale conosco
Envie suas sugestões ao canal

 
Seleções
Quinta, 22 de junho de 2006, 10h56 
Pai de jogador ucraniano aposta no filho e ganha bolada
 
Últimas de Ucrânia
» Ucrânia volta para casa orgulhosa por ter chegado às quartas
» Russa Isinbayeva diz que torce pelo Brasil
» Imprensa da Ucrânia destaca fim da aventura na Copa
» Shevchenko diz que Ucrânia precisa de alguém como Pirlo
» Todas as notícias de Ucrânia
Busca
Faça sua pesquisa na Internet:

O pai de Andriy Rusol, que marcou o primeiro gol da Ucrânia na vitória por 4 a 0 sobre a Arábia Saudita, pela Copa 2006, ganhou cerca de US$ 445 - o triplo do salário médio no ex-Estado soviético - após apostar em seu próprio filho.

"Eu não gosto de apostar. Mas uma hora antes do nosso jogo contra os sauditas, eu finalmente decidi fazer isso", afirmou Anatoly Rusol ao diário Fakty.

"Eu apostei 30 hryvnas (seis dólares) que Andryi iria marcar o primeiro gol e outras 50 hryvnas que ele iria marcar um gol em algum momento da partida. Excelente! Eu sabia! Consegui 2,250 hryvnas", comemorou.

Rusol marcou um gol aos 4min de jogo na partida de segunda-feira, antes de Serhiy Rebrov, Andriy Shevchenko e Maksim Kalinichenko também fazerem gols pela Ucrânia.

Os ucranianos enfrentarão a Tunísia no último jogo do Grupo H do Mundial, na sexta-feira. A equipe precisa vencer para assegurar vaga nas oitavas-de-final.
 

Reuters

Reuters Limited - todos os direitos reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.