Boletim
Receba todas as novidades por email

 Fale conosco
Envie suas sugestões ao canal

 
Seleções
Sexta, 14 de julho de 2006, 15h32 
"Meu filho se chamará Dortmund ou Berlino", diz Grosso
 
Últimas de Itália
» Bush felicita Prodi pela conquista da Itália
» Treze da seleção italiana estão nos clubes punidos
» "Meu filho se chamará Dortmund ou Berlino", diz Grosso
» Zidane estava nervoso e fora provocado, diz Buffon
» Todas as notícias de Itália
Busca
Faça sua pesquisa na Internet:

Um dos maiores heróis da Itália na conquista do tetracampeonato mundial, o lateral-esquerdo Fábio Grosso pretende batizar o filho em homenagem ao título obtido na Alemanha.

"Posso chamá-lo de Dortmund ou Berlino. Outra alternativa é batizá-lo como Marcelo", declarou Grosso em entrevista ao diário italiano La Gazzetta dello Sport".

Em Dortmund, Grosso marcou o primeiro gol italiano na vitória épica sobre a Alemanha na semifinal. Já em Berlim, o lateral fechou a cobrança de pênaltis na decisão contra a França.

Se não homenagear alguma cidade-sede da Copa da Alemanha, Grosso pretende lembrar do técnico Marcelo Lippi. Responsável por sua convocação para o Mundial, ele deixou o cargo recentemente.

O filho do lateral nasce nos próximos dias. Jogador do Palermo na última temporada, o atleta já acertou sua transferência para a Internazionale de Milão após a grande atuação na Copa do Mundo.


 

Lancepress!