Esportes

> Esportes > Futebol > Brasileiro  > Copa do Brasil

  Sites relacionados
ESPN
ESPN360
Os Geraldinos
Futsal

Copa do Brasil
Segunda, 9 de junho de 2008, 15h27  Atualizada às 15h28
Treino corintiano vira presente de aniversário para menino
 
Rafael Ribeiro
Direto de São Paulo
 
Reinaldo Marques/Terra
Cristian e seu pai assistem o treino corintiano no Parque São Jorge
Cristian e seu pai assistem o treino corintiano no Parque São Jorge
Enquete
Qual equipe será campeã da Copa do Brasil?
Corinthians
Sport

 Últimas de Copa do Brasil
05h52 SP: balas de borracha e gás geram correria em festa palmeirense
01h16 Dracena nega relação entre derrota no clássico e Copa do Brasil
09h26 Edinho, do Palmeiras, pode fechar com Fluminense nesta sexta
14h24 Após eliminação, Vasco projeto bom Brasileiro
Busca
Busque outras notícias no Terra:

O provável último treino do Corinthians em São Paulo antes da partida decisiva frente o Sport pela Copa do Brasil, quarta-feira, na Ilha do Retiro, às 21h45 (de Brasília), foi marcante para o garoto Cristian Sepevina Júnior, 8 anos. Após comemorar aniversário no último dia 19, o menino trocou os tradicionais presentes como brinquedos e roupas por um sonho: ver a atividade comandada pelo técnico Mano Menezes no Parque São Jorge.

» Veja as fotos do menino
» Mano Menezes testa dupla
de goleada para final

» Podem jogar até
bomba, diz corintiano

» Alício Pena Júnior apita decisão da Copa do Brasil

"Ele me pediu para vir aqui, ver o último treino do Corinthians antes da final da Copa do Brasil. Foi o presente dele, não quis saber de mais nada", afirmou a mãe do garoto, Elisângela Sepevina.

Acompanhado também do pai, Cristian, e da irmã caçula, Rebeca, Cristian Júnior convenceu os familiares a perderem um dia da rotina para sair de São José dos Campos, cidade localizada no Vale do Paraíba e distante 91km da capital paulista.

A alegria final do jovem corintiano por pouco não virou frustração. Desde as 8h (de Brasília) da manhã no Parque São Jorge, a família foi impedida a princípio de entrar no campo para assistir ao treino. O fato gerou uma frase curiosa da mãe, que deixou escapar uma informação de extrema relevância para os alvinegros. "Eu saí de São José dos Campos só para ver o treino, nem sou corintiana e não posso entrar", indagou. O verdadeiro time de Elisângela, entretanto, foi mantido em sigilo. "Não falo", retrucou, aos risos.

Já acomodado nas arquibancadas, Cristian não escondia a felicidade. "É o melhor presente de todos", destacou o garoto, vestindo a camisa roxa, terceiro uniforme lançado recentemente pelo clube. Ao lado dele, cerca de 30 pessoas foram autorizadas pelos seguranças a assistirem as atividades desenvolvidas por Mano Menezes. Todas, claro, demonstrando muito otimismo na conquista do tricampeonato da Copa do Brasil.

Enquanto um torcedor com o celular à mão pedia para Lulinha posar para fotos, Cristian tentava encontrar no gramado o seu grande ídolo, o atacante Dentinho. "Mas eu gosto também do Felipe", respondeu o pequeno torcedor, que teve os gritos retribuídos com um aceno positivo do goleiro.

Sentindo de perto o clima otimista, os jogadores da equipe alvinegra preferem manter a cautela para o duelo de volta frente os pernambucanos. "Sabemos que a torcida está eufórica, mas nós (atletas) temos de manter o foco. Até agora entre o elenco está tudo normal e a rapaziada está tranquila", apontou o volante Fabinho.

O Corinthians venceu o primeiro jogo por 3 a 1, no Morumbi, na última quarta, e pode perder em Recife por até um gol de diferença. Por medida de segurança, a comissão técnica não informou a data da viagem a Recife e o local de concentração na capital pernambucana.
 

Redação Terra