2 eventos ao vivo

Corintianos reclamam de árbitro e consideram derrota injusta

28 ago 2014
00h32

Os jogadores corintianos saíram insatisfeitos e irritados com a derrota por 1 a 0 para o Bragantino, na noite desta quarta-feira, na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT), pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

O goleiro Cássio reclamou que sofreu falta no lance que antecedeu o gol, em que tirou a bola com um soco. Segundo o camisa 12, ele foi tocado pelo zagueiro Guilherme, que subiu para disputar a bola.

- Eu pulei e dei o soco na bola, e nessa hora fui tocado. Não dá para colocar um árbitro paulista para apitar um jogo de dois times de São Paulo, eles (CBF) têm de rever isso aí - disse o goleiro, referindo-se ao árbitro Leandro Marinho.

O lateral-esquerdo Fábio Santos também destacou o lance, dizendo que houve erro do árbitro. Além do lance de Cássio, os corintianos reclamaram de um suposto pé alto de Luisinho em Guerrero, que afastou a bola de cabeça antes de Sandro pegar o rebote e fazer o gol.

Para o camisa 6, o Bragantino não criou nada além do lance do gol. O Timão chegou a acertar a trave por duas vezes, com Anderson Martins e Ferrugem.

- O Corinthians produziu o suficiente para ganhar o jogo. O Bragantino não criou nenhuma situação mais perigosa. O gol deles saiu em um erro do juiz - disse.

Irritado, Ralf limitou-se a responder se o resultado havia sido justo.

- Não, nada justo - disse o capitão alvinegro.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade