7 eventos ao vivo

Coritiba vence o Atlético-PR e fica perto do título do primeiro turno

24 fev 2013
19h52
atualizado às 19h54

A necessidade da vitória, o apoio da torcida dentro de casa e o fato do Atlético-PR ter escalado um time misto de reservas e titulares, contribuiram para a enorme superioridade do Coritiba na vitória por 2 a 1, neste domingo, no Couto Pereira. Mais três pontos que deixaram o Coxa a um empate do título do primeiro turno.

O domínio no primeiro tempo foi indiscutível. Desde o primeiro minuto os donos da casa tomaram as rédeas da partida. Deivid de cabeça obrigou o goleiro Santos a fazer uma ótima defesa, com a ponta dos dedos. Pouco depois, foi a vez do zagueiro Leandro Almeida assustar em jogada pelo alto.

Cruzamento para a área era a principal arma do Coritiba. Jogada que deu certo aos 25 minutos: Alex cobrou o escanteio na cabeça do zagueiro Pereira, que abriu o placar no clássico. O segundo gol demorou apenas três minutos para sair. Rafinha foi lançado na ponta direita, invadiu a área e rolou para Deivid que precisou apenas empurrar para as redes.

O centroavante vinha fazendo um ótima partida até ser expulso infantilmente. O lateral Gil foi derrubado pelo goleiro Santos quando tentava entrar na área. Os jogadores Coxa-Branca pressionaram o juíz e pela expulsão do goleiro, iniciando uma confusão no campo. No bolo, Deivid e Léo trocaram empurrões e foram excluídos do jogo.

Com a vitória encaminha e o artilheiro expulso, os jogadores coxa-branca seguraram mais o jogo na etapa final. Ainda assim, foi o Coritiba quem continuou melhor. O meia Alex quase marcou um gol em duas oportunidades. Na primeira, ele chegou a balançar as redes, mas o juíz marcou uma falta dele no goleiro Santos. Depois, ele encobriu o goleiro, mas o zagueiro Bruno Costa salvou na linha.

Mesmo vencendo o maior rival, a torcida Alvi-verde não estava feliz. A queda de rendimento da equipe provocou vaias dos toredores, mas nada que injetasse uma animo nos jogadores afim de darem uma resposta em campo.

Do lado do Atlético-PR, a reclamação da arquibancada era para que o time titular entrasse em campo no Estadual. Com o time reserva realmente ficou difícil reagir na partida. Só no finalzinho do jogo que o Furacão marcou um gol, com Taiberson.

Próxima rodada

No próximo domingo, o Coritiba precisa apenas empatar com o vice-líder Londrina, às 16h, no estádio do Café, para conseguir o título do primeiro turno e vaga na final do Parananese. Enquanto isso, o Atlético-PR recebe o operário, às 15h40, no ECOestádio.

Confira os outros resultados da 10ª rodada do Paranaense

Arapongas 3 x 0 Nacional

Cianorte 0 x 1 Paraná

Paranavaí 0 x 3 Rio Branco

Operário 1 x 1 Toledo

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade