0

Djokovic vence duelo de titãs contra Federer e é tetra em Indian Wells

22 mar 2015
21h26
atualizado às 21h26
  • separator
  • comentários

Em mais uma edição do confronto entre os dois melhores tenistas do circuito na atualidade, o sérvio Novak Djokovic, líder do ranking mundial, bateu o suíço Roger Federer neste domingo e conquistou o quarto título da carreira no Masters 1000 de Indian Wells, o segundo em sequência.

Num jogo em que os dois tenistas oscilaram bastante, mas protagonizaram lindos ralis, 'Djoko' venceu por 2 sets a 1, com parciais de 6-3, 6-7(5) e 6-2, em 2h18min de partida. Foi a reedição da decisão do ano passado, e quem levou a melhor novamente foi o sérvio, que também triunfou na cidade da Califórnia em 2008 e 2011.

De quebra, 'Nole' se tornou o primeiro a ser campeão do torneio em dois anos seguidos desde 2006, ano em que Federer foi tri. Depois o atual segundo colocado do ranking ainda viria a levantar o troféu em 2012.

Djokovic entrou em quadra disposto a mostrar porque é o número 1 do mundo, mas Federer não se deixou intimidar, e ambos confirmaram seus serviços até o sexto game. Então o sérvio pressionou o rival e, com uma bola no pé do suíço, obteve a quebra.

'Nole' então se tornou dono da partida, fechou o primeiro set e abriu 4-2 na segunda parcial, teve a chance de abrir 5-2 e saque e ia arrancando para uma vitória fácil.

No entanto, o número 2 do mundo ressurgiu, confirmou o serviço e ainda devolveu a quebra e levou para o tie-break. No desempate, 'Djoko' teve 5 a 4 e dois saques para fechar a partida, mas cometeu duas duplas faltas e permitiu a virada.

O set decisivo começou com o sérvio abrindo 2-0, mas Federer reagiu, empatou em 2-2 e parecia melhor em quadra, com o adversário cabisbaixo. Porém, quando o momento parecia mais favorável ao tenista de 27 anos, Djokovic reagiu, venceu quatro games seguidos e fechou o jogo, obtendo o 50º título da carreira.

EFE   
  • separator
  • comentários
publicidade