0

Drogba desencanta, Costa do Marfim bate Gana e é 1ª classificada

15 jan 2010
18h23
atualizado às 19h26

Depois de uma estreia apagada em meio ao susto dos ataques terroristas à seleção de Togo, a Costa do Marfim reestabeleceu o equilíbrio e confirmou na tarde desta sexta-feira o rótulo de favorito ao título da Copa Africana de Nações. Mesmo com um jogador a menos durante quase todo o segundo tempo, os rivais do Brasil na primeira fase do Mundial derrotaram Gana por 3 a 1 e, com a desistência dos togoleses no Grupo B, se confirmaram como primeiros classificados às quartas de final do torneio continental.

Além de reencontrar o bom futebol quatro dias depois de ficar no empate sem gols na estreia, diante de Burkina Faso, a Costa do Marfim viu seu principal destaque voltar a sorrir. Pisando novamente no Estádio Chimandela, em Cabinda, local de atuação do grupo separatista FLEC-PM (Frente de Libertação do Estado de Cabinda-Posição Militar), Drogba brilhou e deixou a sua marca pela primeira vez na edição de 2009 da competição.

Agora, com quatro pontos somados, Costa do Marfim não pode mais ser ultrapassada por seus outros dois rivais na chave. Em segundo lugar, com três a menos, está Burkina Faso, enquanto Gana é a lanterna ainda sem pontuar. As duas equipes fecham o grupo na próxima terça-feira, em busca da outra vaga nas quartas de final.

Em campo, a adversária do Brasil na Copa do Mundo mostrou sua superioridade e provou estar recuperada dos momentos tensos que viveu desde que desembarcou em Angola. Dias depois do atentado que metralhou o ônibus da seleção de Togo e matou dois integrantes, a delegação de Costa do Marfim admitiu que alguns membros de seu elenco foram ameaçados de morte, inclusive o artilheiro Drogba, astro do Chelsea e um dos maiores nomes do futebol africano. O duelo desta tarde também marcou a estreia de Gana na edição de 2009 e o encontro entre duas das maiores forças do continente e que estarão na África do Sul em junho.

A equipe de Drogba começou o jogo mais organizada e conseguiu marcar aos 22min do primeiro tempo em bela linha de passe. Kalou recebeu dentro da área e passou para Gervinho, que sozinho, tocou para o gol vazio. No entabnto, após abrir o placar, dominio marfinense acabou, já que Gana começou a atacar mais e Barry teve que fazer belas defesar para salvar seu time.

No segundo tempo, aos 10min, a pressão adversária cresceu quando Eboué entrou de carrinho e foi expulso, deixando a Costa do Marfim com um a menos. Foi quando Gana partiu com tudo para cima e chegou a chutar uma bola na trave do goleiro Barry. Porém, mesmo com um jogador a mais e com o dominio do jogo, Gana levou mais um gol. Tiene cobrou falta perfeita e o goleiro não conseguiu chegar na bola.

Perto do apito final, Drogba ainda teve tempo de marcar o dele. Mesmo sem jogar bem, o atacante do Chelsea marcou de cabeça e ampliou a vantagem da Costa do Marfim. Aos 48min, Gyan ainda descontou para Gana em uma cobrança de pênalti, mas não evitou a derrota na estreia.

Após ameaças, artilheiro Drogba ganha abraço de Gervinho durante festa marfinense em Cabinda
Após ameaças, artilheiro Drogba ganha abraço de Gervinho durante festa marfinense em Cabinda
Foto: AP
Fonte: Terra
publicidade