0

Eliminada, seleção de Moçambique demite treinador

21 jan 2010
10h09
atualizado às 10h36

Depois de realizar uma pífia campanha na Copa Africana das Nações, com apenas um ponto em três jogos disputados, a seleção de Moçambique trocará de comando, informaram nesta quinta-feira as agências de notícias internacionais.

Segundo o presidente da federação local, Fezal Sidat, o contrato de Mart Nooij, que terminará no final deste mês de janeiro, não tem qualquer chance de ser renovado. "Ele não cumpriu o objetivo de levar nosso time à final", justificou o dirigente.

O treinador deixará o comando do time nacional de Moçambique ao menos com um ponto positivo no currículo. Mart Nooij foi o treinador responsável por classificar a seleção pela primeira vez à Copa Africana das Nações desde 1986.

Jogador de Moçambique comemora com o treinador Mart Nooij, que foi demitido após eliminação na equipe na Copa Africana de Nações
Jogador de Moçambique comemora com o treinador Mart Nooij, que foi demitido após eliminação na equipe na Copa Africana de Nações
Foto: Reuters
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade