Eliminatórias Mundial 2010

Confederações

Escudo
UEFA
Dados Fundação: 1916 Núm. de filiados: 10

Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol)

Vagas cativas e igualdade

Das quatro vagas reservadas à América do Sul para a Copa do Mundo - a quinta será decidida em um confronto de repescagem contra um país da Concacaf - duas são praticamente cativas. Brasil e Argentina se destacam dentro do continente e nos últimos anos não encontraram dificuldades para assegurarem seus lugares no Mundial.

Prova deste domínio está nas duas últimas edições da Copa Américas, que tiveram final entre argentinos e brasileiros. O Brasil venceu as duas, o que deixa para a Eliminatória uma gostinho de revanche para a Argentina e uma disputa particular para saber qual país chegará à frente.

Historicamente, o Uruguai pode ser considerado uma força equivalente. Porém, nos últimos anos o país tem enfrentado dificuldades e sequer se classificou para a última Copa do Mundo, chegando em quinto lugar no continente e perdendo na repescagem para a Austrália.

Desde que o sistema de pontos corridos foi implementado pela Conmebol, no classificatório para a Copa do Mundo de 1998, a regularidade tem sido premiada. O Paraguai se firmou como terceira força atual do continente se classificando para as três edições seguintes.

Nas últimas eliminatórias sul-americanas, além de paraguaios, argentinos e brasileiros, garantiu vaga nos Mundiais de 2002 e 2006 o Equador, que antes jamais havia se classificado. O Chile e a Colômbia , presentes nas Copa de 1998, também aparecem como possíveis candidatos às vagas.

Um degrau abaixo estão Peru e Bolívia. O primeiro tornou-se mero figurante nos últimos anos, mesmo com jogadores em times europeus de primeira linha. Já a Bolívia costuma ter resultados satisfatórios na altitude de La Paz e derrotas freqüentes como visitante.

Figurante até pouco tempo, a Venezuela apresenta evolução constante e já não é o saco de pancadas de antigamente. Embalados pelo bom desempenho na última Copa América, os venezuelanos entram na Eliminatórias acreditando que podem chegar à sua primeira Copa do Mundo.