0

Botafogo bate Resende e ganha Taça Guanabara

1 mar 2009
17h57
atualizado em 2/3/2009 às 10h24

Com gols de Reinaldo, Lucas Silva e Maicosuel, o Botafogo derrotou o Resende por 3 a 0, neste domingo, no Maracanã, e assegurou o título da Taça Guanabara, o primeiro turno do Carioca. Com a conquista, a equipe alvinegra garantiu presença na decisão do torneio - caso fature também a Taça Rio, o time não precisará disputar essa partida, ficando com título do Estadual por antecipação.

» Veja fotos de Botafogo x Resende
» Baixe o pôster do Botafogo
» Comente o título do Botafogo

O Botafogo não era campeão da Taça Guanabara desde 2006, quando o time conquistou também o Estadual, na decisão diante do Madureira. No ano passado, a equipe levou a Taça Rio, mas levou a pior na final do Carioca, contra o Flamengo.

Sem Victor Simões, machucado, coube a Reinaldo protagonizar as jogadas ofensivas do Botafogo. E foi ele quem abriu o placar, aos 34min do primeiro tempo, após bate-rebate da defesa do Resende, que deixou a bola livre para o botafoguense marcar.

No segundo tempo, Juninho lançou Lucas Silva em profundidade, o botafoguense driblou o goleiro Cléber e finalizou no canto direito do adversário, marcando seu primeiro gol na Taça Guanabara.

Quando o título já parecia certo, o Botafogo ampliou o marcador e sacramentou a vitória. Aos 41min, após cruzamento de Wellington Júnior pela direita, goleiro e zagueiro do Resende se chocaram e deixaram a bola chegar livre a Maicosuel, que só empurrou para o gol.

Na abertura da Taça Rio, o Botafogo entrará em campo para pegar o Tigres, às 20h30 (de Brasília), diante do Tigres, fora de casa, no próximo domingo. Já o Resende encara o Macaé, no mesmo dia, às 16h, em casa.

Gols
Resende: -
Botafogo: Reinaldo, aos 34min do 1º tempo, Lucas Silva e Maicosuel, aos 7min e aos 41min do 2º tempo

Polêmicas
Com 2 a 0 no placar, a torcida do Botafogo passou a gritar "vice é o Cuca", citando o ex-tácnico do time alvinegro e que atualmente comanda o rival Flamengo

Lances bizarros
Bate-rebate da defesa do Resende no primeiro gol da decisão, marcado por Reinaldo

Confusão entre goleiro e zagueiro do Resende, que se chocaram e deixaram a bola livre no terceiro gol do Botafogo

Ponto Forte do Resende
Jogadas pelo lado direito do campo

Ponto Forte do Botafogo
Ligação entre meio-campo e ataque e tabelas na entrada da área

Ponto Fraco do Resende
Erros de passe e espaço entre o meio e o ataque

Ponto Fraco do Botafogo
Falta de pontaria em chutes de longa distância

Personagem do jogo
Lucas Silva, do Botafogo

Destaque negativo do jogo
Excesso de papel picado no gramado, atrapalhando o toque de bola das equipes

Comentários sobre o jogo
"Temos que nos impor. Começamos a partida nervosos, depois o time foi se encaixando e agora temos que voltar bem ao segundo tempo para consolidarmos esse título", do técnico Ney Franco, na saída para o intervalo da decisão.

"Deus me abençoou com esse gol e eu dedico ele para a minha filhinha. Faz tempo que eu estou procurando esse gol", do meio-campista Lucas Silva, autor do segundo gol do Botafogo, o primeiro dele na Taça Guanabara.

"Não teve como evitar. Infelizmente levamos o gol", do zagueiro Breno, desapontado com a falha da zaga do Resende no tento de abertura do placar, feito pelo Botafogo, com o atacante Reinaldo.

Esquema Tático Resende
3-5-2
Cléber; Márcio Costa (Beto), Breno e Naílton; Bruno Leite (Hiroshi), Márcio Gomes, Fred, Léo (Viola) e Marquinhos; Fabiano e Bruno Meneghel

Esquema Tático Botafogo
3-6-1
Renan; Emerson (Léo Silva), Wellington e Juninho; Alessandro, Leandro Guerreiro, Fahel, Lucas Silva (Jean Carioca), Maicosuel e Thiaguinho (Wellington Júnior); Reinaldo

Cartões Amarelos
Resende: Beto, Bruno Leite e Fabiano
Botafogo: Maicosuel

Cartões Vermelhos
Resende: Naílton
Botafogo: Wellington Júnior

Árbitro
João Batista de Arruda

Público
72.301 pagantes (75.350 presentes)

Renda
R$ 1.251,174

















Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade