0

Com futuro indefinido, Autuori admite interesse gremista

9 abr 2009
19h04
atualizado às 20h34

O técnico Paulo Autuori quebrou o silêncio e falou pela primeira vez sobre a intenção do Grêmio em contratá-lo. Por meio de sua assessoria de imprensa, o treinador divulgou nota sobre o tema. Ele não nega que haja um interesse por parte do clube gaúcho, mas afirma que não há nada encaminhado.

» Souza deve ficar no Grêmio por mais um ano
» Paulo Autuori mais longe do Grêmio
» Felipão é descartado pela diretoria

"Ainda não me pronunciei em respeito ao Al-Rayyan e ao Grêmio e vou dar os devidos esclarecimentos no momento oportuno", explicou de maneira evasiva.

O time tricolor gaúcho tem encontrado dificuldades para a liberação de Autuori junto ao Al-Rayyan, do Catar. Os árabes só liberariam o treinador no fim de maio, o que é considerado tarde de mais pelos gaúchos. O Grêmio está sem técnico desde a demissão de Celso Roth, no último domingo, e deverá fechar uma semana sem um comandante para a equipe.

Na nota emitida por Autuori, ele afirma que não autorizou ninguém a falar em seu nome sobre o seu futuro profissional. "Não tenho representante no Golfo e apenas minha assessoria de imprensa tem o aval para dar informações sobre mim". Notícias veiculadas nesta quinta-feira davam conta que Rodolfo Forte seria o representante do ex-treinador de Cruzeiro, São Paulo e Botafogo.

"Meu contato com a imprensa sempre foi franco e direto. Se não me pronunciei até o momento, é porque não há nada definido. Só não posso deixar pessoas que nada tem a ver comigo falarem em meu nome", complementou Autuori, que também já esteve à frente no Inter em 1999.

Com os problemas encontrados para contar com Autuori imediatamente, dificilmente o Grêmio terá um treinador até o seu próximo jogo, diante do Universiad do Chile, na quarta-feira, pela Libertadores.

Se isso se confirmar, Marcelo Rospide seguirá comandando a equipe interinamente. Ney Franco e Renato Gaúcho seriam os outros nomes da lista dos dirigentes gremistas.

Veja também:

Fonte: Gazeta Press
publicidade