0

Jô encerra jejum de 5 meses, faz 2 e Inter vence antes de Gre-Nal

18 fev 2012
18h14
atualizado em 19/2/2012 às 12h37

Alvo de críticas frequentes da torcida colorada, Jô comandou os reservas do Internacional na tranquila vitória por 3 a 1 no Beira-Rio, contra o Pelotas. Na função de Leandro Damião, ele fez dois neste sábado e confirmou o triunfo que, somado ao revés gremista contra o São José, confirma o clássico Gre-Nal para quarta-feira por um lugar nas semifinais do Campeonato Gaúcho.

» Veja quem pegou avião e mudou de clube em 2012
» Confira a transformação física de Ronaldo, Adriano e outros jogadores

O Inter, que venceu o Cruzeiro-RS por 2 a 0 na quarta, atuou sem os titulares a pedido dos próprios jogadores. Mesmo assim, teve atuação soberana e convincente contra o Pelotas, já sem pretensão de ir à segunda fase do primeiro turno.

No mesmo Beira-Rio deste sábado, o Inter recebe o Grêmio em jogo único que vale vaga nas semifinais do Campeonato Gaúcho. No primeiro encontro da temporada, em 5 de fevereiro, os colorados empataram por 2 a 2, no Olímpico, com equipe mista.

A vitória tranquila antes do Gre-Nal
Sem os titulares, todos poupados, o Internacional mostrou elenco forte para vencer o Pelotas de forma incontestável. Superior desde o início, a equipe já havia feito Bruno, goleiro do time visitante, trabalhar para impedir gols de Gilberto, Fabrício e Sandro Silva.

Aos 17min, entretanto, o placar enfim foi aberto. João Paulo cobrou escanteio, Jô dominou e concluiu com perfeição. Ele não marcava desde 21 de setembro, em duelo contra o Figueirense. De novo em escanteio de João Paulo, Élton ampliou o placar para o Inter, de cabeça, aos 34min.

Substituto de Dátolo, que não jogou por lesão, o garoto Fred tornou mais fáceis as coisas para o time da casa depois do intervalo. O meia serviu Jô, que venceu o goleiro na conclusão e desencantou diante do Pelotas. Em seguida, o centroavante por pouco não fez o terceiro.

Dorival Júnior deu ritmo a mais reservas e promoveu as entradas de Marcos Aurélio, Fransérgio e Zé Mário. Foguinho ainda acertou o travessão de Renan, aos 35min. Guly, cobrando pênalti aos 41min, fez o gol de honra para o Pelotas.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 3 x 1 PELOTAS

Gols:
INTERNACIONAL: Jô, aos 17min, Élton, aos 34min do primeiro tempo, Jô, aos 6min do segundo tempo
PELOTAS: Guly, aos 41min do segundo tempo

INTERNACIONAL: Renan; Élton, Bolivar, Jackson e Fabrício; Sandro Silva (Fransérgio), Josimar, João Paulo e Fred (Zé Mário); Gilberto (Marcos Aurélio) e Jô
Treinador: Dorival Júnior

PELOTAS: Bruno; George Lucas, Marco Tiago, Kléber Goiano e Paulinho; Danilo Portugal, Cleiton (Odair), Carlos Augusto (Foguinho) e Maicon Sapucaia; Guly e Leandrinho (Igor)
Treinador: Beto Almeida

Cartões Amarelos
PELOTAS: Marco Tiago

Árbitro
Fabrício Neves Corrêa (RS)

Local
Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)


Jô agradece aos céus após dois gols diante do Pelotas
Jô agradece aos céus após dois gols diante do Pelotas
Foto: Roberto Vinicius/ / Gazeta Press
Fonte: Terra
publicidade