0

Atlético-GO é surpreendido e vê Goiás assegurar ponta

30 mar 2009
22h34
atualizado às 23h17
  • separator

Em uma noite de fraco futebol, o Atlético-GO foi surpreendido pelo Santa Helena nesta noite de segunda-feira. Em partida válida pela quarta rodada do terceiro turno do Campeonato Goiano, o time rubro-negro foi derrotado por 3 a 0 e, de quebra, garantiu a liderança do Goiás no Grupo B do Estadual.

» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela completa
» Comente a vitória do Santa Helena

Com a derrota, o Atlético-GO estacionou nos 36 pontos e não tem mais chances de alcançar o rival, cinco pontos à frente na classificação. O Santa Helena, por sua vez, chegou aos 28 pontos e ocupa a terceira colocação, mas já se encontra eliminado do Estadual.

Na última rodada da fase de grupos, o Atlético-GO terá pela frente o Jataiense, na sexta-feira, fora de casa. Por outro lado, o Santa Helena se despede da competição contra a Anapolina, no Estádio Pedro Cabral, no próximo domingo.

Logo com quatro minutos de partida, os visitantes chegaram ao primeiro gol. A defesa atleticana falhou em cruzamento oriundo do lado esquerdo, a bola percorreu a área e encontrou Dinei na segunda trave, que abriu o marcador do confronto.

Na segunda etapa, o Atlético-GO seguiu melhor na partida e se aproximava da igualdade. Em contrapartida, o Santa Helena se mostrava melhor taticamente e conseguia anular as principais jogadas ofensivas dos mandantes. Aos 17min após o reinício, os jogadores das duas equipes se envolveram em uma confusão e prejudicaram o andamento da partida. O árbitro do jogo não teve dúvidas e expulsou o lateral Rafael Cruz, do Atlético-GO, e Possato, do Santa Helena.

Com as duas equipes tensas, a partida ganhou um grau de tensão muito grande. Atrás no placar, os jogadores atleticanos cometiam faltas duras e acabaram prejudicados por mais uma expulsão. O lateral Chiquinho, com 21min, fez falta violenta e recebeu o cartão vermelho.

Aproveitando a vantagem numérica dentro de campo, o Santa Helena manteve a posse de bola, mas logo viu outro de seus atletas ser expulso. Autor do primeiro gol do jogo, Dinei recebeu após impedimento e finalizou para o gol. Como já havia recebido o cartão amarelo, o atleta visitante foi expulso pelo juiz do duelo com 31min.

Mesmo com as duas equipes com nove homens, o Santa Helena se manteve melhor e chegou ao segundo gol. Aos 32min, Evandro recebeu passe de Dida e avançou. Da entrada da área, o jogador chutou rasteiro e aumentou a diferença. Três minutos após sofrer o segundo gol, o Atlético teve a chance de diminuir o prejuízo. Altair, zagueiro do Santa Helena, derrubou Jorge Henrique dentro da área. Na cobrança da penalidade, Róbston bateu e parou nas mãos do goleiro Luiz Almeida.

Abalado pelas circunstâncias do duelo, o Atlético-GO ainda sofreu o terceiro gol no finalzinho do jogo. Com 42min, Dida recebeu lançamento, driblou o goleiro Márcio e confirmou a vitória.

Veja também:

Pelé é superestimado? Editor do L! avalia polêmica criada por site inglês
Fonte: Gazeta Press
publicidade