1 evento ao vivo

Ceni perde pênalti e Portuguesa vence São Paulo de virada

17 jan 2010
18h59
atualizado em 18/1/2010 às 17h14

A Portuguesa estragou a festa da estreia do São Paulo no Campeonato Paulista e o primeiro jogo de Marcelinho Paraíba em sua volta ao time do Morumbi. Jogando na casa do adversário, o time da capital paulista saiu perdendo, mas conseguiu vencer de virada por 3 a 1, com dois gols do meia Héverton. O goleiro-artilheiro Rogério Ceni ainda perdeu uma penalidade no meio do primeiro tempo.

Apesar da falha do goleiro, e de Hernanes, que isolou a bola no rebote, o São Paulo saiu na frente do placar com Marcelinho Paraíba, aos 38min do primeiro tempo. Maestro do time, o camisa 11 distribuiu o jogo e foi a peça tricolor mais perigosa durante o primeiro tempo. No lance que abriu o placar, ele se aproveitou de uma bobeada da defesa da Portuguesa e de fora da área acertou o ângulo do goleiro Fábio, que dez minutos antes havia ganhado o duelo com Rogério Ceni na cobrança de pênalti contestado pelos jogadores lusitanos.

Apesar da vantagem, o São Paulo voltou apagado no segundo tempo. Com maior posse de bola desde o início da etapa final, a Portuguesa não levou mais do que alguns minutos para virar a partida.

Com o time avançado, graças a lesão de Thiago Gomes que forçou o técnico Benazzi a colocar o meia Henrique, a Portuguesa chegou ao empate aos 11min. O meia Marco Antônio, cria das categorias de base são-paulina, alçou a bola na área, Fabricio desviou de cabeça para o meio da área e Hérverton completou para dentro da rede.

Não demorou muito e a Portuguesa virou. Depois de iniciar a jogada do primeiro tento, Marco Antônio comemorou o dele, ao converter pênalti, sofrido por Fabrício.

Dominando a partida e contando com a expulsão de Dagoberto e um gol perdido por Washington, a Portuguesa tomou conta das ações e ainda teve tempo de aumentar o placar. Nos acréscimos, Henrique lançou Héverton, que ganhou na corrida e tocou na saída de Rogério Ceni.

FICHA TÉCNICA

São Paulo 1 x 3 Portuguesa

Gols
São Paulo: Marcelinho, aos 38min do primeiro tempo
Portuguesa: Héverton, aos 11min e 50min do segundo tempo e Marco Antonio, aos 15min do segundo tempo

Ponto Forte do São Paulo
Marcelinho Paraíba, apesar de ser camisa 11, foi o camisa 10 que o São Paulo tanto sentiu falta nos últimos anos

Ponto Forte da Portuguesa
No segundo tempo, a Portuguesa mudou de postura, virou a partida e marcou três gols

Ponto Fraco do São Paulo
Dagoberto levou vermelho e atrapalhou o São Paulo

Ponto Fraco da Portuguesa
Apatia no primeiro tempo

Personagem do jogo
Héverton, pelos dois gols marcados no segundo tempo e o goleiro Fábio, que fechou o gol no primeiro tempo

Lance polêmico
Aos 26min do primeiro tempo, Marcelinho tenta cruzamento pela esquerda e a bola bate na mão de Glauber. Árbitro marca pênalti e jogadores da Portuguesa reclamam que o lance foi fora da área

Esquema Tático do São Paulo
4-4-2
Rogério Ceni; Jean, André Dias, Miranda e Jorge Wagner (Junior Cesar); Richarlyson, Hernanes (Marlos), Léo Lima e Marcelinho Paraíba; Dagoberto e Washington (Roger). Técnico: Ricardo Gomes

Esquema Tático da Portuguesa
3-6-1
Fabio; Thiago Gomes (Henrique), Domingos e Preto Costa; Paulo Sergio, Acleisson, Glauber, Marco Antonio, Fabrício e Héverton (Jeferson); Dinei (Ronaldo). Técnico: Vagner Benazzi

Cartões Amarelos
São Paulo: Richarlyson, Miranda e Roger
Portuguesa: Fabio, Henrique e Paulo Sérgio

Cartão Vermelho
São Paulo: Dagoberto

Árbitro
Antônio Rogério Batista do Prado

Local
Morumbi
















Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade