2 eventos ao vivo

Germano e Chicão serão denunciados por agressão

8 mai 2009
13h51
atualizado às 13h57

A confusão entre Germano e Chicão na primeira partida final do Campeonato Paulista será denunciada Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP). Tanto o volante santista como o zagueiro corintiano estarão sujeitos a, pelo menos, quatro meses de gancho.

» Fotos de outros craques pesados
» Ronaldo precisa de 40s para marcar
» Ronaldo é um "gordo que resolvem"
» Corinthians diz que correrá por Ronaldo

O lance em questão acontecem durante uma cobrança de falta para o Corinthians. Chicão acertou um tapa em Germano, que revidou com um soco. O árbitro Wilson Luiz Seneme não relatou a troca de agressão na súmula da partida, que foi vencida pelo Corinthians por 3 a 1 na Vila Belmiro, em 26 de abril.

Segundo o procurador do TJD-SP, Edílson Zago, ambos devem ser denunciados no artigo 253 (praticar agressão física contra o árbitro, auxiliares ou qualquer outro participante do evento desportivo) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). Caso sejam punidos, a pena pode variar de 120 a 540 dias.

Chicão, porém, se denunciado por tentativa de agressão, responderá novamente ao artigo 253, mas combinado com a 'atenuante' de não ter consumado o ato - a pena máxima da segunda infração seria reduzida pela metade. Assim, o gancho máximo do corintiano seria de 180 dias.

A pena máxima impossibilitaria que os dois disputassem qualquer competição nacional, inclusive o Campeonato Brasileiro, que começa neste final de semana. Se a punição fosse em número de partidas, Germano e Chicão poderiam cumprir a pena somente no Paulista do ano que vem.

No entanto, a denúncia feita pela Procuradoria não é garantia de que os atletas irão ser julgados. Antes disso, a denúncia precisa ser aprovada pelo presidente do TJD-SP, Ivaney Cayres. Caso o pedido seja acatado, finalmente o processo poderá ser colocado na pauta de julgamento.

Fonte: Gazeta Press
publicidade