3 eventos ao vivo

Kleina enaltece equilíbrio do time após “fumaça” em aeroporto

13 mar 2013
21h22
atualizado às 21h45
  • separator
  • 0
  • comentários

A atuação do Palmeiras no clássico de domingo contra o São Paulo deixou o técnico Gilson Kleina orgulhoso. Apesar de ter ficado no empate por 0 a 0 contra o rival, no Morumbi, com um a mais durante quase todo o segundo tempo, o treinador elogiou a postura dos jogadores depois da tentativa de agressão de membros da Mancha Alviverde na quinta-feira.

"Vejo sempre fumaça aqui. A última vez foi no aeroporto em Buenos Aires", afirmou o treinador, em referência à confusão criada por torcedores organizados contra o elenco, depois da derrota para o Tigre, na semana passada. O episódio resultou até em um ferimento na cabeça do goleiro Fernando Prass, mas, segundo o técnico, não abalou a equipe no clássico de domingo.

"Por tudo o que passamos na semana passada, só preciso enaltecer o equilíbrio dos jogadores. Viemos para o clássico depois de um jogo em que estávamos na iminência dos três pontos, mas ficamos perto de um e não levamos nenhum. Viemos com a revolta grande pela derrota e, depois, o fato que aconteceu no aeroporto poderia ter desestabilizado alguns jogadores, mas foi tudo muito bem feito no clássico", avaliou.

A rápida resposta do presidente Paulo Nobre, que rompeu as ligações com a Mancha Alviverde, parece ter surtido efeito no grupo. Gilson Kleina acredita que o time conseguiu render em campo por conta do respaldo que recebeu da diretoria depois da briga.

"Houve uma conversa da diretoria com todos nós, com uma blindagem forte, e os jogadores executaram bem. Terminamos o jogo contra um grande rival com o sentimento de que poderíamos ter saído com a vitória", acrescentou.

Agora, o comandante vê o Palmeiras em condições de obter um bom resultado nesta quinta-feira, em jogo remarcado contra o Paulista, no estádio do Pacaembu, mas exige disposição do elenco. "Por tudo o que passamos, sabemos que teremos um confronto difícil, não temos de achar que a vitória já está preparada. Vamos ter de correr e nos entregar, porque o Paulista fez um grande jogo contra o Santos e tem qualidade".

O Palmeiras é o sétimo colocado no Estadual e quer aproveitar o jogo isolado para avançar na classificação. De acordo com Gilson Kleina, o desempenho no empate contra o São Paulo pode dar um impulso na atuação do Verdão contra o Paulista.

"Traz a confiança, porque nossa equipe está entrando em um ciclo em que temos de ser determinados. Temos jogadores com alto rendimento técnico e potencial, mas o que valeu é que sempre jogamos coletivamente e colocamos em campo o que foi passado", completou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade