0

Sport vence clássico contra Santa Cruz e é líder isolado

5 abr 2009
18h36
atualizado às 23h17

Sport e Santa Cruz fizeram jus ao Clássico das Multidões neste domingo, com a Ilha do Retiro lotada. O time rubro-negro venceu por 2 a 1 de virada, e encerrou um jejum de cinco anos sem vencer o adversário deste domingo em casa.

» Veja fotos da partida

» Veja a classificação
» Confira a tabela completa
» Comente o resultado

A partida foi válida pela nona rodada do Campeonato Pernambucano, e o time de Nelsinho Baptista agora é líder isolado com 25 pontos, já que o Náutico empatou em 0 a 0 com o Petrolina e ficou com 22 pontos. O time tricolor, que tem 16 pontos e só pode chegar aos 25 somados, com as três rodadas restantes, praticamente deu adeus ao título do segundo turno.

O primeiro tempo começou eletrizante, com as duas equipes procurando o gol, mas o Sport pecava mais nas finalizações, ao contrário do Santa Cruz, que chegava com mais perigo. A disputa entre Ciro e Marcelo Ramos pela artilharia, começou com vantagem para o atleta tricolor, já que o rubro-negro começou no banco.

Aos 16min, Parral notou a defesa do Sport adiantada, e disparou pela lateral direita, quando passou por ela, cruzou na medida para Marcelo Ramos deslocar a bola para o fundo do gol, antes que César e Magrão chegassem nela. Este foi o 14º gol de Marcelo Ramos, um a menos que Fábio Silva, do Central.

O Sport passou a dominar o segundo tempo, mas Marcelo Ramos, sozinho com Magrão, quase aumentou a vantagem para o Santa. O meio-de-campo do Sport estava nervoso e coube ao lateral-esquerdo Dutra reger a maior parte do setor ofensivo. O atacante Wilson teve duas chances claras de marcar, mas desperdiçou ambas.

Depois de voltar para o segundo tempo, o treinador Nelsinho Baptista pôs Sandro Goiano no lugar de Daniel Paulista e Ciro na vaga de Wilson e as mudanças deram certo.

Aos 9min, Moacir cruzou da direita, Vandinho chutou no travessão, quando a bola voltou, Ciro mergulhou de peixinho e empatou o jogo, para delírio da torcida leonina.

Com este gol, Ciro voltou a se igualar na vice-artilharia com Marcelo Ramos. O Sport passou a sufocar a defesa do Santa Cruz, e aos 16min conseguiu a virada. César pegou a bola dentro da área e serviu Igor, que chutou até devagar, mas a bola bateu em Bilica, ex-Sport, e desviou para o gol, deixando o goleiro Gustavo vendido no lance.

Depois disso, os jogadores do Santa Cruz perderam a cabeça e tiveram dois expulsos. Aos 34min, Pedro Henrique não recebeu a bola de um dos gandulas e resolveu chutá-la no funcionário. Aos 41min, Márcio derrubou Paulo Baier e o chutou duas vezes. O árbitro Ricardo Marques Ribeiro não titubeou em expulsá-los.

FICHA TÉCNICA

Sport 2 x 1 Santa Cruz

Gols
Sport: Ciro, aos 9min, e Igor, aos 16min do 2º tempo
Santa Cruz: Marcelo Ramos, aos 16min do 1º tempo

Esquema Tático Sport
4-4-2
Magrão; Moacir, Igor, César e Dutra; Andrade, Daniel Paulista (Sandro Goiano), Paulo Baier e Luciano Henrique; Wílson (Ciro) e Vandinho (Fumagalli)
Técnico: Nelsinho Baptista

Esquema Tático Santa Cruz
4-4-2
Gustavo; Parral (Vagner), Thiago Matias, Leandro Camilo e Marcos Tamandaré; Bilica (Roger), Alexandre Oliveira, Anderson e Leandro Gobatto (Pedro Henrique); Márcio Barros e Marcelo Ramos
Técnico: Márcio Bittencourt

Cartões Amarelos
Sport: César, Moacir e Dutra
Santa Cruz: Vagner, Bilica e Parral

Cartões Amarelos
Santa Cruz: Pedro Henrique e Márcio Barros

Árbitro
Ricardo Marques (MG)

Local
Estádio Ilha do Retiro, em Recife (PE)

Público
25.913 pagantes

Renda
R$ 161.420,00






Jogadores do Sport comemoram gol no duelo contra o Santa Cruz
Jogadores do Sport comemoram gol no duelo contra o Santa Cruz
Foto: WCorreia Neto / Futura Press
Fonte: Lancepress!
publicidade