0

Ex-ídolo de Vasco e Portuguesa morre vítima de câncer

21 dez 2010
15h38
atualizado às 16h57

O futebol nacional teve uma perda considerável para a sua história na madrugada desta segunda-feira. Ex-jogador de Vasco e Portuguesa, José Farias Filho, o Lorico, morreu em Santos, cidade onde nasceu, vítima de um câncer de próstata, aos 70 anos de idade.

Lorico (agachado, 2º da dir. para a esq.) também atuou ao lado de Sócrates e Zé Mário, no Botafogo-SP
Lorico (agachado, 2º da dir. para a esq.) também atuou ao lado de Sócrates e Zé Mário, no Botafogo-SP
Foto: Gazeta / Divulgação

Conhecido como um jogador clássico, marcou época nos clubes em que apresentou o seu futebol. Começou a carreira em 1959, na Portuguesa Santista, e no ano seguinte foi para o Vasco da Gama, onde atuou por seis temporadas.

Após jogar por seis anos na capital fluminense, voltou para o seu estado natal para defender a Prudentina, de Presidente Prudente. Seguiu para a Portuguesa em 67, ficando no Canindé até 1972. De lá, foi para o Noroeste, onde ficou até 1976.

No Botafogo-SP, sua última equipe, participou do time considerado o melhor da história do clube, ao lado de Sócrates e Zé Mário. Além da Portuguesa, a agremiação de Ribeirão Preto foi uma das poucas a lembrar a sua morte.

"Perdemos um dos grandes ídolos da nossa história. Lorico se destacou aqui com a nossa camisa e sempre reverenciava isso. O Botafogo está de luto e se solidariza com os familiares", lamentou o presidente do clube paulista, Luiz Pereira.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade