Fale conosco

 Notícias por e-mail
Paulista
Domingo, 17 de abril de 2005, 17h57  Atualizada às 22h36
Time misto do Palmeiras empata com Guarani
 
Agência Lance
Palmeiras saiu na frente, mas cedeu empate para o Guarani
Palmeiras saiu na frente, mas cedeu empate para o Guarani
Sites relacionados
No terra
» Baixe pôster e cartão dos campeões
Multimídia
Áudio e vídeo
» Maracanã explode com título do Fluminense
» Atacante sai do banco e dá tetra para o Inter
» Atlético vence Coritiba nos pênaltis e fica com o título
» Ipatinga cala o Mineirão e fica com o título
Saiba mais
» Grandes repelem as zebras nas finais dos Estaduais
» Fluminense vence nos acréscimos e é campeão
» Na prorrogação, Inter conquista o tetracampeonato
» Atlético-PR vence nos pênaltis e é campeão
» Ipatinga surpreende Cruzeiro e fica com título
» Vitória conquista o tetracampeonato baiano
» Criciúma vence Ibirama e conquista o Catarinense
» Nos pênaltis, Vila Nova quebra jejum no Goiano
» Fortaleza bate Icasa na prorrogação e é campeão
» Brasiliense goleia Gama e é bicampeão no DF
» Campeão, São Paulo encerra campanha com vitória
» Reservas de Passarella garantem vice-campeonato
» Time misto do Palmeiras empata com Guarani
» Reservas do Santos empatam em Marília
 Últimas de Paulista
» Finazzi cobra atrasados do América (SP)
» Julgamento do Botafogo-SP é adiado
» Francana perde e é rebaixada para a Série A-3
» Juventus goleia Matonense por 8 a 1 na Série A2
O Palmeiras se despediu do Campeonato Paulista com um empate por 1 a 1 com o Guarani, neste domingo, apenas 1.128 pagantes no Parque Antarctica.

Veja fotos dos Estaduais

O técnico Candinho escalou vários reservas, preocupado com a estréia no Campeonato Brasileiro, no próximo fim de semana.

Aos 11min, Marcel aproveitou cruzamento da direita abriu o placar.

O gol do Guarani foi marcado por Evandro Roncatto, em cobrança de pênalti, aos 29min da etapa final.

Jogo

A primeira grande chance de gol foi do Palmeiras. Bruno recebeu dentro da área, cortou o zagueiro, o goleiro Jean, mas não conseguiu concluir, aos 6min de jogo. O Guarani tentava ameaçar, mas as conclusões dos atacantes Jonas e Roncatto pouco assustavam o goleiro Sérgio.

As jogadas do Palmeiras aconteciam principalmente pela direita, com o lateral Bruno. Dominando as ações da partida, o gol palmeirense não demorou para aparecer.

Bruno fez boa jogada perto da linha de fundo e cruzou para Marcel que, de primeira, mandou para as redes do goleiro Jean.

Depois do gol, o time da casa esfriou e o Guarani passou a criar mais chances. Quem comandava o ataque do time de Campinas era Jonas, que aos 24min fez boa jogada na frente da área de Sérgio, passou para Adrianinho que chutou por cima do gol.

Quatro minutos depois, o Guarani mais uma vez chegou com perigo ao gol de Sérgio. Adrianinho recebeu bola na esquerda, perto da linha de fundo, chutou cruzado, mas o goleiro palmeirense defendeu com segurança.

Apesar de chegar mais ao ataque, o time de Campinas não conseguia levar perigo real ao gol de Sérgio, com conclusões fracas.

Aos 37min, um lance duvidoso no ataque do Guarani. Jonas recebeu na ponta esquerda e o goleiro do Palmeiras saiu para abafar.

O atacante do Guarani passou pelo goleiro, invadiu a área e caiu reclamando de uma falta do lateral Bruno. No entanto, o juiz mandou a partida seguir.

O Palmeiras voltou a dominar a partida, mas ainda tomou mais um susto antes do final do primeiro tempo. Mais uma vez Jonas, do Guarani, recebeu bom lançamento na frente. O goleiro Sérgio travou com o atacante e a bola tocou na trave.

No começo do segundo tempo, uma surpresa. O goleiro Sérgio, do Palmeiras, pediu para bater uma falta perto da área do Guarani. A bola bate na barreira e sai pela linha de fundo.

Dois minutos depois, o Guarani por pouco não chega ao gol de empate. Jonas recebeu cruzamento pela esquerda, na frente do goleiro Sérgio, mas cabeceou para fora.

O Palmeiras respondeu logo depois, aos 5min, com Warley. Também em uma bola levantada, o atacante do Palmeiras cabeceou a bola na trave do goleiro Jean.

Depois de um começo de segundo tempo movimentado, o rendimento caiu após os dez minutos. O Guarani era o time que mais ameaçava, principalmente nos contra-ataques. Aos 18min, Mariano puxou contra-ataque pela direita e cruzou para Roncatto, que não alcançou a bola.

O Palmeiras tentou ampliar com Francis, que tabelou no meio com Cristian e chutou para a boa defesa do goleiro Jean, do Guarani, aos 25min.

Dois minutos depois, o juiz marcou pênalti para o Guarani. Adilio recebeu cruzamento pela direita e chutou para o gol. O lateral Bruno, do Palmeiras, evitou o gol com as mãos e o árbitro marcou pênalti e expulsou o jogador. Roncatto bateu e empatou a partida no Parque Antarctica.

Logo depois do gol do empate, o Guarani tentou por duas vezes marcar, mas não conseguiu, graças ao goleiro Sérgio, que evitou a virada.

O Palmeiras, mesmo com um a menos, ainda tentou marcar o segundo com Gabriel. O zagueiro recebeu bom cruzamento pela direita, cabeceou com perfeição, mas Serginho, do Guarani, afastou o perigo.

O Guarani não conseguia aproveitar a superioridade numérica e criou apenas mais uma chance com Adilio. O jogador experimentou um chute de esquerda da entrada da área e a bola saiu por cima do goleiro Sérgio.

Depois disso, o Palmeiras apenas administrou e terminou sua participação no Campeonato Paulista com um empate em 1 a 1 com o time de Campinas.

Com Lancepress!

Ficha Técnica
Palmeiras 1 x 1 Guarani
Equipes

Sérgio
Bruno
Gabriel
Leonardo
Fabiano
Roger
Francis
Cristian
(Claudecir)
Leo
Marcel
Warley



Técnico:
Candinho

Jean
Paulo André
Felipe
Bruno Dias
Mariano
(Alemão)
Serginho
Adriano
Adrianinho
Gilson
(Adilio)
Jonas
Roncatto
(Adan)




Técnico:
Flamarion

Gols


11min - 1º tempo
Marcel

28min - 2 º tempo
Roncatto
Local: Estádio do Parque Antarctica, em São Paulo (SP)
Árbitro: Cleber Wellington Abade (SP)

 
Redação Terra