Boletim
Receba as últimas notícias em seu email
Fale Conosco
Mande suas críticas e sugestões. Participe!
Paulista
Terça, 21 de fevereiro de 2006, 22h02 
Marcelinho assina contrato com Corinthians
 
Tom Dib/Futura Press
Após reunião, Marcelinho diz ter assinado contrato
Após reunião, Marcelinho diz ter assinado contrato
 Últimas de Paulista
» Barueri goleia e leva o título da Série A-2
» Rio Claro e Sertãozinho se classificam para A-1
» Barueri e Guaratinguetá sobem para a A1 do Paulista
» Vice-campeão, São Paulo domina seleção do Paulista
Busca
Busque outras notícias no Terra:
O meia Marcelinho Carioca assinou contrato com o Corinthians na noite desta terça-feira. A informação é de sua advogada, Gislaine Nunes. "Graças a Deus acabou!", disse a advogada, presente ao encontro com os dirigentes alvinegros no Parque São Jorge.

Opine: você é favorável ao retorno de Marcelinho?

A advogada do jogador, Gislaine Nunes, negou que o acerto seja relativo à pendência judicial entre o meia e o clube e garantiu que se trata do contrato de trabalho. "Estamos assinando o contrato de trabalho com o Corinthians."

Marcelinho chegou ao Parque São Jorge nesta terça-feira e se reuniu com dirigentes corintianos, mas sem a presença do presidente Alberto Dualib, que está na Inglaterra para pedir a autorização do fundo de investimentos MSI para o retorno do jogador.

Ricardinho

O meia Ricardinho, suposto pivô da crise que fez Marcelinho deixar o Corinthians em 2001, disse ter resolvido os problemas com o desafeto. O encontro teria acontecido no ano passado, em um aeroporto de São Paulo.

"Já está tudo bem. Eu ainda estava no Santos quando o encontrei. Se ele voltar, será para somar. Seria uma situação chata há um tempo atrás, mas não agora. Hoje em dia, está tudo certo", disse Ricardinho.

Companheiros de equipe durante o ano 2000, quando o time foi campeão mundial, Marcelinho chamou Ricardinho de "traíra" e disse que o meia causava a discórdia entre os jogadores do elenco alvinegro.

Sob o comando do técnico Vanderlei Luxemburgo, alguns jogadores se revoltaram com Marcelinho, que se viu obrigado a deixar o Parque São Jorge.

Após sua saída, Marcelinho atuou no Santos, no Vasco e, no ano passado, disputou o Campeonato Brasileiro pelo Brasiliense, ao lado do amigo Vampeta. Os dois jogadores não foram capazes de impedir a queda da equipe para a Série B.


 

Lancepress!