Eurocopa 2008

› Esportes › Futebol › Eurocopa › Eurocopa 2008

Eurocopa 2008

Quarta, 4 de junho de 2008, 19h52 Atualizada às 20h28

Parlamento alerta sobre prostituição na Eurocopa

A Comissão de Direitos da Mulher do Parlamento Europeu (PE) alertou nesta quarta-feira sobre o fenômeno da prostituição com a proximidade da Eurocopa deste ano, que será disputada na Áustria e na Suíça.

Segundo a comissão, o evento pode incentivar esta forma de "escravidão moderna". Em Bruxelas, várias eurodeputadas pediram aos Estados-membros que assumam sua responsabilidade na luta contra a prostituição, que é uma forma de "escravidão moderna" na opinião da comissão.

A Copa do Mundo de 2006, na Alemanha, também foi alvo de uma campanha semelhante, chamada de "Cartão vermelho à prostituição forçada", uma idéia do Conselho Nacional de Mulheres da Alemanha.

"A cada ano, cerca de 800.000 mulheres se transformam em vítimas do tráfico de seres humanos", lembrou a socialista Lissy Gröner, para quem é preciso "prevenir" o fenômeno da prostituição.

Anna Záborská, parlamentar do Partido Popular Europeu, levou o assunto ao Plenário da Eurocâmara. A eurodeputada pediu à Comissão Européia informações sobre a aplicação nos Estados-membros das medidas aprovadas em dezembro de 2005 para combater a exploração sexual.

EFE

Busque outras notícias no Terra