Inglês
Sábado, 23 de fevereiro de 2008, 10h58  Atualizada às 13h59
Brasileiro do Arsenal sofre fratura grave
 
 Últimas de Inglês
» Demissão de Grant era "inevitável", diz ex-técnico
» Chelsea demite técnico Avram Grant
» Aos 104 anos, Hull City chega à primeira divisão inglesa
» Diretoria do Chelsea critica trabalho de Avram Grant
Busca
Busque outras notícias no Terra:

O brasileiro naturalizado croata Eduardo da Silva, atacante do Arsenal, sofreu uma grave fratura na perna esquerda durante a partida deste sábado contra o Birmingham City, pela 27ª rodada do Campeonato Inglês.

» ESPN 360º: Assista à lesão de Eduardo
» Arsenal cede empate no fim

A partida foi interrompida por quase oito minutos para que o brasileiro pudesse ser tratado em campo antes de ser retirado de maca.

O defensor do Birmingham, Martin Taylor, recebeu cartão vermelho após a entrada em Eduardo, logo no terceiro minuto da partida.

Após a contusão de Eduardo, os jogadores do Arsenal ficaram visivelmente perturbados com o incidente, dando sinais que a lesão sofrida pelo brasileiro é bastante grave.

Assim que deixou o gramado, Eduardo foi levado para o hospital Selly Oak e equipes médicas no campo se mostraram também chocadas com a gravidade da lesão.

A direção do Arsenal anunciou que o atacante não deve mais defender o clube inglês na atual temporada e que também está descartada a sua participação na Eurocopa defendendo a seleção da Croácia, em competição que será disputada na Áustria e na Suíça.

Após a lesão, as emissoras que detém os direitos de transmissão do Campeonato Inglês anunciaram que não irão repetir a imagem da contusão, por considerar muito forte.

Comentaristas de TV compararam a lesão de Eduardo com a sofrida pelo defensor Dave Busst do Coventry City, cuja carreira foi encerrada depois que teve uma fratura na perna direita em jogo contra o Manchester United, em 1996.

Na ocasião, a partida foi interrompida por dez minutos antes que Busst pudesse ser retirado e o sangue de seus ferimentos fosse lavado do campo.

Nascido no Rio de Janeiro, o jogador, 24 anos, mudou-se para a Croácia aos 15 anos para integrar a equipe do Dinamo Zagreb. Depois, o atleta voltou ao Brasil e jogou duas temporadas pelo Bangu.

Após obter nacionalidade croata, Eduardo fez sua estréia internacional contra a Irlanda em 2004 e juntou-se ao Arsenal em julho.
 

Reuters

Reuters Limited - todos os direitos reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.