1 evento ao vivo

Ex-jogador do Chelsea morre esfaqueado na África do Sul

21 jan 2012
13h40
atualizado às 13h45

O zagueiro sul-africano Jeffrey Ntuka, revelado pelo Chelsea da Inglaterra, foi morto a facadas na África do Sul, neste sábado. Segundo informações do site britânico BBC, a ocorrência aconteceu em uma casa noturna no município de Kroonstad na província de Free State.

O representante do agente do jogador confirmou a notícia. "Eu falei com a mulher dele por alguns minutos e ela me confirmou que ele tinha morrido em Kroonstad", disse Michael Hughes.

Ainda segundo Hughes, o jogador tinha problemas de comportamento. "Infelizmente, parecia que os problemas seguiam o Jeffrey. Ele se esforçou para abalar sua imagem", completou.

Ntuka passou seis meses no Chelsea jogando para o time reserva em 2003, antes de ser emprestado a clube belga Westerlo por cinco anos. Depois, voltou à África do Sul para assinar com Kaizer Chiefs.

O jogador de 26 anos foi convocado cinco vezes para a seleção da África do Sul e jogou por quatro clubes. Ntuka defendeu o Chelsea e KVC Westerlo, da Bélgica, por empréstimo, de 2003 a 2009; Kaizer Chiefs em 2009 e 2010 e o SuperSports, ambos da África do Sul, até sair em 2011.

Jeffrey Ntuka (à dir.) foi das categorias de base do Chelsea. O zagueiro tinha problemas de comportamento
Jeffrey Ntuka (à dir.) foi das categorias de base do Chelsea. O zagueiro tinha problemas de comportamento
Foto: Getty Images
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade