0

Aplaudido de pé como Ronaldinho, Iniesta agradece torcida merengue

22 nov 2015
13h59
  • separator
  • comentários

Na ausência de Messi, Andrés Iniesta foi um dos atletas que deu show na goleada do Barcelona sobre o Real Madrid. Além de dar assistência para Neymar, o meia espanhol recebeu um toque de calcanhar do brasileiro para fazer o seu e sacramentar, ao lado dos dois gols de Suárez, a vitória culé por 4 a 0 em pleno Santiago Bernabéu.

Iniesta foi substituído por El Haddadi na etapa complementar, e, de forma surpreendente, saiu de campo ovacionado de pé pela torcida merengue, a exemplo de Ronaldinho Gaúcho no histórico clássico de 19 de novembro de 2005 - o primeiro da carreira de Lionel Messi. Na ocasião, o brasileiro, então dono da camisa 10, teve uma atuação de gala: fez dois golaços, liderou o triunfo do Barcelona por 3 a  e acabou aplaudido de pé na casa do arquirrival. O Barça viria a ser campeão espanhol meses depois.

Dez anos depois, as arquibancadas do Santiago Bernabéu repetiram a atitude para Iniesta. O jogador de 31 anos demonstrou gratidão aos madrilenos e não poupou elogios ao desempenho da própria equipe.

"Eu gostaria de agradecer aos fãs. Meus companheiros e eu nos sentimos muito bem, jogamos de maneira completa em todos os sentidos. Demos a eles poucas chances, raramente perdemos a bola. Fomos muito efetivos", avaliou Iniesta. "Outro dia eu disse que a única coisa em que estamos interessados é em nos mesmos. Fizemos isso e minimizamos o oponente. Há um longo caminho a percorrer, isso não foi decisivo de maneira alguma, mas deixamos Madri muito satisfeitos."

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade