Futebol Internacional

publicidade
03 de dezembro de 2012 • 17h52 • atualizado às 17h55

Bandeirinha morre na Holanda após sofrer agressões em jogo juvenil

 

Um homem que trabalhava como árbitro auxiliar em uma partida juvenil de futebol na Holanda morreu nesta segunda-feira, depois de ser agredido com socos e chutes por vários atletas. Richard Niewenhuizen foi levado às pressas para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

O bandeirinha foi agredido por atletas da equipe Nieue Sloten, de Amsterdã. O óbito do árbitro auxiliar foi confirmado pela outra equipe da partida, o Buitenboys, que não detalhou a causa da morte.

Três jogadores, de 15 a 16 anos de idade, foram detidos ainda nesta segunda por envolvimento na confusão. Segundo uma porta-voz da polícia local, os jovens ainda estavam sob custódia no momento em que a morte foi anunciada.

“É terrível que algo assim aconteça no esporte holandês”, lamentou a ministra dos Esportes da Holanda, Edith Schippers à emissora local NOS, antes mesmo de a morte ser confirmada.

 

Terra