2 eventos ao vivo

Em reencontro com italianos, Xavi critica e chama gramado de "lamentável"

10 jun 2012
17h55
atualizado às 17h59
Dassler Marques
Direto de Gdansk (Polônia)

A exemplo do que ocorreu na última visita do Barcelona ao Milan pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, Xavi Hernández criticou o gramado da Arena Gdansk onde, neste domingo, a Espanha ficou no empate com a Itália por 1 a 1. O meio-campista chegou a usar o termo "lamentável" e disse ver equilíbrio e normalidade no confronto com os italianos. O meia Iniesta, eleito o melhor da partida, concordou.

» Top 10 Euro: veja 10 jovens que podem causar impacto
» Top 10 da Euro: veja os craques que podem definir o título

"O campo nos prejudicou. Ter um campo seco nessas alturas, no ano de 2012, é lamentável para o bom espetáculo", afirmou Xavi na saída do estádio. "O futebol é para os torcedores, para o espetáculo. O campo estava muito seco e isso dificultou a circulação da bola. Foi um desastre para o espetáculo do futebol", declarou Iniesta.

Outro a reclamar foi Vicente del Bosque, mas vale lembrar que os cuidados com o campo são de responsabilidade dos organizadores da Eurocopa. "Se o campo estivesse mais rápido (molhado), haveria sido melhor para todos, não só para a Espanha. Não duvidem que veríamos um jogo melhor".

Xavi, apesar das reclamações, elogiou o resultado atingido contra os italianos. "É uma seleção campeã do mundo recente, tem jogadores de grande nível, mas se o jogo tivesse mais cinco minutos acho que venceríamos", analisou.

De fato, na reta final da partida após a entrada de Fernando Torres, a Espanha criou boas jogadas e o próprio Torres desperdiçou duas ocasiões. "Certamente seremos protagonistas nos demais jogos. Vamos ver o que acontece contra a Irlanda", disse sobre o confronto de quinta-feira.

Espanha conseguiu arrancar empate contra a Itália
Espanha conseguiu arrancar empate contra a Itália
Foto: Reuters
Fonte: Terra
publicidade