0

Herói da Eurocopa de 1964, atacante espanhol morre aos 73 anos

27 set 2011
10h14
atualizado às 10h53

O ex-atacante espanhol "Chus" Pereda, um dos heróis da seleção que ganhou a Eurocopa de 1964 contra a extinta União Soviética, morreu nesta terça-feira, em Barcelona, aos 73 anos de idade, em decorrência de um câncer.

Português Cristiano Ronaldo marca três gols para o Real Madrid, que goleou o Rayo Vallecano por 6 a 2
Português Cristiano Ronaldo marca três gols para o Real Madrid, que goleou o Rayo Vallecano por 6 a 2
Foto: AP

Jesús María Pereda Ruiz de Teremiño nasceu em Medina de Pomar, e quando criança se mudou com seus pais ao Chile. Ao retornar à Espanha, Pereda começou a jogar no clube Alcázar, de sua cidade natal. Mais tarde, o ex-atleta jogou no Real Madrid, Sevilla e Barcelona.

Com a seleção espanhola, o jogador disputou 15 partidas, marcando seis gols. O mais importante foi na final da Eurocopa de 1964, quando também foi responsável pelo passe para o gol de Marcelino.

Em maio, Chus revelou que sofria de câncer. O ex-jogador morreu nesta terça-feira no Hospital de Bellvitge. Seus ex-companheiros afirmam que Pereda era querido por todos e tinha muita vitalidade.

EFE   

compartilhe

publicidade
publicidade