1 evento ao vivo

Mourinho nega ter visto agressões e simulações de Pepe

18 jan 2012
22h38
atualizado em 19/1/2012 às 00h30

O comandante do Real Madrid, José Mourinho, alegou não ter visto pela televisão a criticada atuação do brasileiro naturalizado português Pepe, que simulou faltas e chegou a agredir Sergio Busquets e pisar na mão do argentino Lionel Messi, mas afirmou que se o jogador agiu dessa forma, suas atitudes são condenáveis.

Mourinho declarou que não viu os lances "polêmicos" de Pepe
Mourinho declarou que não viu os lances "polêmicos" de Pepe
Foto: Reuters

"Não vi nada. Se tem tudo isso que vocês dizem eu tenho que ver", garantiu o técnico, que também comentou: "de Pepe posso dizer que fez um grande trabalho. Atuou muito bem pela equipe. Se aconteceu alguma coisa eu não vi eu tenho que ver", acrescentou.

O zagueiro português do Real Madrid, Ricardo Carvalho, saiu em defesa do meio-campista. "Quem conhece Pepe sabe. Ele é duro, mas é limpo e leal", disse.

Outro que tomou partido da polêmica foi o atacante do Manchester United, Wayne Rooney, que chamou de idiota o brasileiro naturalizado português em sua conta no Twitter.

Do lado do Barcelona, Iniesta afirmou que a responsabilidade é de cada um. "Nós tentamos ter boas atitudes. São lances do jogo, nisso eu não entro. Cada um é responsável pelo que faz", comentou o jogador.

EFE   
publicidade