0

Retrospectiva

Drone invade campo e Sérvia x Albânia tem briga generalizada

Reuters
14 out 2014
17h39
atualizado em 2/12/2014 às 16h03
  • separator
  • comentários

Com um histórico de guerras entre os países, Sérvia e Albânia entraram em campo nesta terça-feira, em partida válida pelas Eliminatórias da Eurocopa de 2016. O duelo, realizado no Estádio Partizan, em Belgrado, recheado de tensão, foi suspenso aos 41min do primeiro tempo após uma briga generalizada. O jogo era realizado no país sérvio e com torcida única, justamente para evitar qualquer tipo de confusão.

O que ninguém esperava era que, no final da etapa inicial, um drone conseguiria sobrevoar as arquibancadas do estádio, invadindo o campo com uma bandeira da Albânia. Gudelj e Mitrovic, jogadores da Sérvia, foram retirar o objeto do campo, o que irritou os rivais.

Foto: Reuters

Após o gesto, jogadores albaneses começaram uma briga com os sérvios, que acabou com invasão da torcida, bombas e conflito com policiais. A tensão entre os países se deve à independência do Kosovo, de maioria albanesa, na década de 90. 

O juiz Martin Atkinson não enxergou condições para seguir com o jogo, que foi suspenso com o placar de 0 a 0.

O Kosovo é um território de maioria albanesa, que pertencia à antiga Iugoslávia (atual Sérvia), mas se declarou independente, com o apoio de Estados Unidos, França e Portugal. No entanto, os sérvios não reconhecem até hoje a independência da antiga província.

Foto: Reuters
Foto: Reuters
Foto: Reuters
Foto: Reuters
Foto: Reuters
Foto: Reuters
Foto: Reuters

Crédito das fotos: Reuters

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade