2 eventos ao vivo

Mourinho ataca de novo e chama técnico da Roma de "hipócrita"

14 mai 2010
09h08

A metralhadora de José Mourinho não descansa. Às vésperas da última rodada do Campeonato Italiano, o técnico da Inter de Milão voltou a atacar o comandante da Roma, Claudio Ranieri, chamado de "hipócrita" pelo português.

No início do mês, após a final da Copa da Itália vencida pela Inter por 1 a 0 em pleno Estádio Olimpico, uma grande polêmica entre os treinadores surgiu. Ranieri afirmou não gostar do jeito de Mourinho, cujas declarações, em geral "desrespeitosas", foram classificadas como "bomba-relógio".

A atitude do italiano irritou o português, que em entrevista à revista Panorama chamou o colega de "hipócrita" por tê-lo criticado depois de cumprimentar a Inter pelo título conquistado.

Com Ranieri, Mourinho define o Campeonato Italiano a partir das 10h (de Brasília) deste domingo, quando a Inter visita o Siena precisando de uma vitória para confirmar a taça; em caso de tropeço do time de Milão, a Roma pode ser campeã desde que ganhe do Chievo, também fora de casa.

Sempre polêmico, Mourinho ainda comentou as palavras do técnico do Bayern de Munique, Louis Van Gaal, que havia alfinetado o português pela comemoração exagerada no Camp Nou após a classificação à final da Liga dos Campeões da Europa, contra o Barcelona.

Respondendo, o comandante da Inter negou ter-se importado com a declaração, mesmo porque não repetiria "muitas coisas más" feitas por Van Gaal, lembrando que o holandês foi demitido do Barcelona em 2000 e aceitou retornar ao clube dois anos depois. Os treinadores medirão forças na final da Liga dos Campeões em 22 de maio, em Madri.

"Metralhadora", Mourinho alfinetou Ranieri e também Van Gaal
"Metralhadora", Mourinho alfinetou Ranieri e também Van Gaal
Foto: AFP
Fonte: Redação Terra
publicidade