5 eventos ao vivo
Logo do Liga dos Campeões
Foto: Terra

Liga dos Campeões

Ataque do Chelsea não deve nada ao Barcelona, diz Drogba

5 mai 2009
16h17
atualizado às 18h34

O atacante marfinense Didier Drogba, do Chelsea, se mostrou confiante para o duelo desta quarta-feira contra o Barcelona e disse que o poder ofensivo dos ingleses não deve nada ao dos comandados por Josep Guardiola, que já marcaram 100 vezes no Campeonato Espanhol e, no último final de semana, golearam o rival Real Madrid por 6 a 2 em pleno Santiago Bernabéu.

"Claro que eles têm gente como Henry, Eto'o, Messi e Iniesta, mas nós mostramos nos últimos meses que qualquer jogador de nossa equipe tem condições de fazer gols, inclusive nossos zagueiros", disse o centroavante.

O duelo desta quarta no Stamford Bridge valerá pela volta das semifinais da Copa dos Campeões. Na ida, as equipes ficaram no empate sem gols na Espanha e, quem sobreviverm fará a final com o Manchester United em jogo único, que será realizado em Roma.

Drogba lamentou ter perdido duas chances claras no primeiro jogo, na Espanha. "Fiquei incomodado por não marcar no Camp Nou, mas é preciso reconhecer que Valdés fez duas grandes defesas. Do ponto de vista individual, fiquei decepcionado, mas a atuação da equipe me deixou contente", afirmou.

Já o holandês Guus Hiddink, técnico do Chelsea, fez elogios à forma de jogar do Barcelona e disse que a equipe catalã é um exemplo para todo o mundo. "O Barcelona tem um estilo que não depende de quem contrate e que conta com o reconhecimento mundial", afirmou.

Em relação à histórica goleada sobre o Real Madrid no último fim de semana, Hiddink admitiu que o resultado pode ter motivado os catalães. "Todas as partidas são diferentes, com circunstâncias distintas", disse.

EFE   

compartilhe

publicidade