0
Logo do Liga dos Campeões
Foto: Terra

Liga dos Campeões

Klopp se inspira na seleção alemã de 1954 para motivar Dortmund

15 mai 2013
16h31

O técnico do Borussia Dortmund, Jürgen Klopp, afirmou nesta quarta-feira que a final da Copa do Mundo de 1954, na qual a Alemanha venceu a favorita Hungria por 3 a 2, é o jogo que lhe serve de motivação para o duelo contra o Bayern de Munique, pela final da Liga dos Campeões.

"Se há um jogo que me marcou foi a final de 1954, apesar de não tê-la visto. Essa partida mostra que no futebol tudo é possível", disse Klopp em entrevista coletiva.

O treinador afirmou que sua equipe passa por uma situação parecida com aquela que a Alemanha comandada por Sepp Herberger enfrentou antes da final em 54. "Não temos nada a perder", declarou Klopp ao ser perguntado sobre o favoritismo do Bayern.

O comandante do Borussia Dortmund confirmou que sua equipe chegará cheia de confiança para a disputa da decisão continental.

"Para conquistar algo é preciso pensar grande, apesar do risco de perdermos", disse.

Klopp lembrou também o sucesso do Dortmund nas duas últimas temporadas, que culminaram na conquista do bicampeonato alemão.

"Estamos falando sobre uma equipe que há dois anos foi campeã alemã, com muita antecedência, e que no ano passado repetiu o feito, também com antecipação, e agora está muito bem, na final da Liga dos Campeões. Tudo isso não nos impediu de continuarmos com nosso trabalho e agora queremos ganhar a competição", declarou.

O técnico da equipe sensação da Europa também confirmou que são boas as possibilidades de contar com o meia Mario Götze, que se recupera de uma lesão na coxa, para a decisão contra o Bayern.

"Até agora tudo está como o planejado. Teremos uma semana de treino normal e depois decidiremos se ele estará pronto para a final", explicou.

EFE   
publicidade