0

Mesmo com conquistas, Mourinho se diz infeliz na Itália

18 mai 2010
13h31
atualizado às 14h40

A cada dia que passa José Mourinho ganha mais as páginas dos noticiários por causa de sua provável ida ao Real Madrid ao final desta temporada do futebol europeu. O português venceu dois campeonatos neste ano pela Internazionale e está na final da Liga dos Campeões e, mesmo tendo apoio do elenco, da diretoria e da torcida, o treinador disse que nunca será feliz na equipe italiana.

Em uma entrevista coletiva sobre a final da Copa dos Campeões, o português abriu o coração. "Não é questão de contrato ou dinheiro. Eu estou muito orgulhoso do que ganhamos mesmo com as crises pelas quais passamos. Trata-se de me sentir respeitado no país em que eu trabalho, que é tão apaixonado por futebol. Tenho tido muitos problemas", disse o técnico.

Mourinho elogiou todos de seu time. "A Internazionale não pode fazer nada para me fazer feliz. Os jogadores são fantásticos, há conexão com a torcida, todos são fantásticos no clube. Infelizmente, não há nada a fazer", afirmou.

Entretanto, o português ainda não confirma qual será seu futuro. "Depois da final da Copa dos Campeões, vou pegar uns três ou quatro dias para pensar com calma sobre o meu futuro. Não mudo nada do que eu falei nos últimos dias", disse.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade