PUBLICIDADE

Titular, Lucas prevê jogo físico entre Liverpool e Chelsea

8 abr 2009 - 10h05
(atualizado às 10h08)
Publicidade

O quarto confronto entre Liverpool e Chelsea em cinco edições dos mata-matas da Copa dos Campeões tem seu início nesta quarta-feira, às 15h45 (horário de Brasília), e vale vaga na semifinal. Substituindo o argentino Javier Mascherano, que está suspenso, o brasileiro Lucas Leiva é presença certa entre os titulares do clube vermelho, que atua em casa. E prevê um confronto bastante voltado para o lado físico entre as duas equipes inglesas.

» Técnico diz ter prazer com empate do Porto
» Leia as últimas da Copa dos Campeões

"Temos que estar atentos e não podemos relaxar por nenhum minuto. Ganhamos o último jogo deles com dois gols nos minutos finais (pelo Campeonato Inglês) e isso pode perfeitamente acontecer de novo. Sabemos que será um jogo muito voltado para o lado físico e brigado no meio-campo, nós conhecemos bem a equipe do Chelsea, mas eles nos conhecem também. Vamos analisar os pontos fracos para levar alguma vantagem", afirmou Lucas em entrevista exclusiva ao Terra.

Assim como na última temporada, em que enfrentou o Chelsea nas semifinais, o Liverpool inicia o confronto jogando em seus domínios, no Anfield Road. Lucas lembra que, justamente, um gol sofrido em casa acabou por determinar a classificação dos rivais no confronto anterior. "Fazer gols fora de casa é sempre importante. Não adianta querer ganhar de qualquer maneira e se expor. Essa foi a lição que aprendemos", explica.

A vitória do Chelsea na última temporada interrompeu o que era uma série de sucessos do Liverpool. Em 2004/05, a equipe de Steven Gerrard levou a melhor, nas semifinais, o que se repetiu em 2006/07, com a classificação nos pênaltis. Pela primeira vez visto como favorito, o time de Lucas vive um grande momento e vem de goleadas sobre Real Madrid, Manchester United e Aston Villa. O brasileiro, porém, deixa isso para os torcedores.

"A euforia fica mais do lado de fora. Sabemos que o momento é bom, mas ainda não conquistamos nada. Não podemos nos deslumbrar e correr o risco de jogar por água abaixo todo o trabalho de um ano inteiro. Mas os torcedores estão muito eufóricos, criando uma atmosfera muito favorável para nossa equipe nos jogos em casa", diz.

Lucas, que fará seu terceiro jogo como titular na Copa dos Campeões, ainda afirma estar tranqüilo para um jogo tão decisivo. "Não muda nada para mim, pois tenho jogado constantemente. Vou procurar fazer a parte defensiva sem deixar de ajudar no ataque", prevê. No fim de semana, o ex-gremista também foi titular na vitória por 1 a 0 sobre o Fulham, fora de casa.

Em grande fase, Gerrard e Torres comandam o Liverpool contra o Chelsea
Em grande fase, Gerrard e Torres comandam o Liverpool contra o Chelsea
Foto: AP
Fonte: Especial para Terra
Publicidade