2 eventos ao vivo

Autor de livro que ajudou FBI afirma: “Blatter é alvo"

28 mai 2015
12h11
atualizado às 14h02
  • separator
  • 0
  • comentários

Principal inimigo público da Fifa, o jornalista investigativo Andrew Jennings é conhecido por ser o autor de uma série de denúncias feitas através de livros, documentários e reportagens sobre a corrupção nos bastidores da principal entidade do futebol. Na manhã desta quinta-feira, o escocês disse ter sido o responsável por passar informações "cruciais" para o FBI fazer as investigações que revelaram um escândalo de corrupção e culminaram na prisão de sete dirigentes na quarta, incluindo José Maria Marin, vice-presidente da CBF.

"Eu dei ao FBI os documentos cruciais que desencadearam as prisões de ontem. Tem mais coisa por vir. Blatter é um alvo", sentenciou o jornalista nas redes sociais.

Presidente da Fifa, Joseph Blatter, ainda não está citado em escândalo de corrupção
Presidente da Fifa, Joseph Blatter, ainda não está citado em escândalo de corrupção
Foto: Arnd Wiegmann / Reuters

Membro do programa Panorama, da emissora britânica BBC, Jennings foi um dos responsáveis pela denúncia de escândalo da falência da ISL, agência de marketing esportivo acusada de subornar dirigentes da Fifa para receber os direitos de transmissão da Copa do Mundo e de patrocínio à empresa nos anos 90.

As investigações resultaram no livro "Jogo Sujo - O Mundo Secreto da Fifa" e acabaram na desgraça política dos brasileiros João Havelange e Ricardo Teixeira, afastados da entidade por corrupção. Recentemente, Jennings publicou "Um Jogo Cada Vez Mais Sujo", elucidando o esquema fraudulento da venda de ingressos para a Copa do Mundo do Brasil.

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade