PUBLICIDADE

Jornal italiano dá destaque para a aposentadoria de Rogério Ceni

7 dez 2015 18h41
ver comentários
Publicidade

Rogério Ceni pode ter construído toda a sua carreira como atleta do São Paulo, mas isso não o impediu de receber um grande reconhecimento na Europa. Nesta segunda-feira, o jornal italiano La Gazzetta Dello Sport deu espaço em seu site oficial para uma matéria que registrava os feitos únicos do goleiro de 42 anos e anunciava sua aposentadoria do futebol.

Na publicação, há ênfase nos 1237 jogos e 131 gols marcados que credenciam Ceni ao posto de maior goleiro artilheiro da história do futebol. A trajetória do goleiro como jogador também é explicada, informando sobre a estreia em 1993 e os inúmeros títulos conquistados, como o Tricampeonato Brasileiro, Libertadores, Mundial de Clubes, e a participação no elenco da Seleção Brasileira que faturou a Copa do Mundo em 2002.

Pelo alto nível que apresentou atuando nas metas do Tricolor paulista, Rogério já chegou a atrair intensamente a atenção de clubes europeus, que demonstravam interesse em contratá-lo. Entretanto, pelo forte vínculo estabelecido com o São Paulo, time que o arqueiro não esconde ser de seu coração, acabou nunca jogando no velho continente.

Ainda é colocado que Ceni deverá investir na carreira de treinador a partir do próximo ano, planejando passar por um período de estudos com o ex-treinador Juan Carlos Osorio, que passou pelo Tricolor em 2015.

Parabenizando a carreira do goleiro que se encerra, Ronaldinho Gaúcho também se manifestou por meio de sua conta do Twitter, onde elogiou o veterano e lhe desejou sorte para os próximos desafios.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade