1 evento ao vivo

Kaká usa amistoso para melhorar condicionamento

11 ago 2009
11h17
atualizado às 17h41
  • separator

Pouco tempo depois de estrear pelo Real Madrid, Kaká já se encontra na Seleção Brasileira, que nesta quarta-feira disputa um amistoso contra a Estônia, em Tallinn. E por ter iniciado a temporada 2009/2010 do futebol europeu depois dos demais colegas no time espanhol, o jogador pretende utilizar o confronto para melhorar seu condicionamento físico.

» Veja fotos do treino da Seleção
» Veja fotos de Tallinn
» Ramires desfalca a Seleção
» Brasil jogará na terra da web
e das despedidas de solteiro

» Brasileiros têm praia, samba
e churrasco na Estônia

"(É um) jogo de pré-temporada, a gente pode levar em consideração nesse sentido", disse Kaká, que também prometeu se preparar para a disputa das Eliminatórias à Copa de 2010, na África do Sul. "Estou em começo de temporada. Vou usar esse jogo para melhorar meu condicionamento", declarou o jogador.

Campeão da última Copa das Confederações, Kaká deve participar dos confrontos diante de Argentina e Chile, no início de setembro, pelas Eliminatórias. Destaque do time líder das Eliminatórias Sul-Americanas com 27 pontos, o jogador foi elogiado até por Diego Maradona, treinador da seleção argentina.

Em entrevista reproduzida pelo diário Marca, nesta terça-feira, Maradona disse que "o Real Madrid irá mudar muito com a presença de Kaká em campo e ele será um fator de desequilíbrio a favor de seu time".

Kaká recebeu com alegria os elogios do técnico argentino. "Não tem nada a ver a declaração dele com a Seleção. Fico feliz com a declaração dele, espero que isso possa acontecer, mas a resposta vai ser dentro de campo", disse Kaká.

Sobre o confronto entre Brasil e Argentina, Kaká escapou de qualquer polêmica: "o jogo em si já tem uma pressão necessária", disse o jogador. Com uma vitória sobre os argentinos, a Seleção se garante na próxima Copa do Mundo.

Kaká usará amistoso para melhorar condições físicas
Kaká usará amistoso para melhorar condições físicas
Foto: AFP
Fonte: Terra
publicidade