2 eventos ao vivo

LANCE!Net descobre brasileiro que mora com Balotelli e a namorada em Milão

20 jun 2013
08h25
atualizado às 08h32

A morena bonita se aproxima da porta de entrada do hotel onde a seleção italiana está hospedada no Recife, desde a última terça-feira. Jornalistas, fotógrafos e curiosos correm para falar com ela e tirar fotos. Por alguns minutos, Fanny Neguesha, a modelo e dançarina belga que namora o atacante Balotelli, atende a todos de forma solícita e simpática, mas logo começa a ficar apreensiva porque começa a se formar uma aglomeração de pessoas em torno dela...

– Andiamo, andiamo! – pede ela ao segurança que a acompanha desde o Rio de Janeiro.

É Adilson Barbosa, de 41 anos, espécie de faz-tudo para o casal Mario e Fanny. Tudo mesmo.

– Comecei a morar com o Mario há nove meses, quando ele ainda jogava pelo City e morava em Manchester (ING). Depois, conheceu a Fanny, mudou para Milão e eu fui como eles. Agora, estamos nós três lá na casa de cinco quartos na Itália – conta Barbosa.

O assessor, como ele se apresenta, foi contratado pelo agente Mino Raiola, que agencia Balotelli e Ibrahimovic, entre outras estrelas europeias. O mega empresário italiano queria alguém para “tomar conta” do Super Mario e o mantivesse longe de confusões. Balotelli não gostou da ideia. Não queria ser vigiado.

– Passei 15 dias em Manchester e ele nem sequer olhava para a minha cara. Me ignorava completamente.

Raiola o conheceu quando o empresário ainda agenciava o ex-volante Emerson, do Grêmio e da Seleção Brasileira. Barbosa e Emerson nasceram e cresceram juntos em Pelotas. Jogavam em um clube da cidade, o Fragatas, e combinaram que quem desse certo no futebol levaria o outro.

Depois de Emerson, Barbosa virou assessor de Thiago Silva, também em Milão, quando o zagueiro foi para o Milan. Por causa de um problema de saúde da mãe, o gaúcho voltou para o Brasil. Mas não demorou para Raiola ligar para ele de novo. Tinha uma nova tarefa: era Balotelli.

A paixão dá trabalho

Barbosa diz que desde que mora com Balotelli, o atacante parou de protagonizar confusões nas ruas, boates e afins. Mas os maiores perrengues acontecem quando os dois brigam. E ele vira conselheiro...

– Quando brigam, briga de casal mesmo, fica um pouco difícil de segurar... Mas aí eles vêm conversar comigo. Acho que eles me têm como um pai. Eu ouço um, ouço outro, e no fim eles se entendem porque se gostam muito – afirma.

A relação é conturbada. Começaram a namorar em janeiro, mas já brigaram e reataram duas vezes. Na última vez, fizeram tatuagem com o nome do outro no braço.

Vamos morar no Brasil, diz Fanny

Fanny tem conhecido bem as cidades que está visitando graças à seleção da Itália. No Rio, ficou encantada com a orla da Barra da Tijuca e com o Cristo Redentor. Em Recife, elogiou a paisagem que vê pela janela o hotel, mas lamentou o fato de não poder entrar no mar para nadar. A Praia de Boa Viagem tem mar aberto e é famosa também por ataques de tubarão. Nada, porém, que tire o encantamento. Para fazer média com os brasileiros, prometeu até vir morar no Brasil em breve. Escolheria o Rio, para onde quer voltar logo...

– Nós amamos o Brasil, suas praias, suas paisagens e a forma como vocês vivem, com alegria. Queremos vir morar aqui! – disse, enquanto posava para fãs.

Namorada de Balotelli tem curtido o Brasil nos últimos dias (Foto: Maurício Oliveira)BATE-BOLA

Adilson Barbosa

Assessor e segurança de Balotelli e Fanny Neguesha, na Itália e no Brasil

Tem sido difícil manter Balotelli longe de confusões na Itália?

Não, não! Ele é um guri, uma criança mesmo! Ele não sabe que é o Balotelli, não sabe a potência que o nome dele tem. Dentro de campo ele é um fenômeno, mas fora é uma criança. Se quer bater uma bola, vai jogar na rua e não está nem aí.

Mas as confusões que ele apronta (como pôr fogo na própria casa, em Manchester ao soltar fogos de artifício) são de gente grande. Como é esse lado maluco dele?

Todo mundo tem seu lado meio louco. Eu tenho, você tem, ele também tem o dele. Mas é um guri. Com o tempo, vai amadurecer e se tornar um dos melhores do mundo.

Você foi contratado por Mino Raiola, mas quem bancou você em Manchester, e agora, em Milão?

Quem me paga é o Mino. E posso falar que ganho bem, ganho bem (risos). Sou bem recompensado pelo Mino e sou muito grato a Deus e a eles por me darem essa confiança.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade