Fale conosco

 Notícias por e-mail
Brasil
Quarta, 6 de julho de 2005, 21h20  Atualizada às 08h11
Atleticanos e são-paulinos brigam no Beira-Rio
 
Elaine Felchacka
Especial para o Terra
 
Reuters
Polícia tem trabalho para conter briguentos no Beira-Rio
Polícia tem trabalho para conter briguentos no Beira-Rio
Galeria de fotos
» Veja fotos
 Últimas de Brasil
» Brasil perde vaga direta na Copa Libertadores
» Finazzi pode estrear no clássico contra o Paraná
» Luizão "ganha" gol na Libertadores após cinco anos
» Lula critica são-paulinos por cenas de vandalismo
Torcedores de Atlético-PR e São Paulo entraram em confronto no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, momentos antes do primeiro jogo da final da Copa Libertadores, nesta quarta-feira.

Veja mais fotos!
Confira como foi o 1 a 1

Como ocorre geralmente, os torcedores ficaram se provocando, com gritos e xingamentos, mas depois os atleticanos conseguiram arrancar a grade que os separavam dos são-paulinos e iniciaram o tumulto.

As duas torcidas ficaram em confronto por cinco minutos até a polícia chegar ao local. Depois os policiais formaram um cordão de isolamento.

A semifinal entre River Plate e São Paulo também foi marcada por confusão. No jogo no Morumbi, os torcedores argentinos entraram em confronto com a polícia dentro do estádio. Antes, na chegada ao estádio, o ônibus do clube foi apedrejado por são-paulinos.

Na partida de volta, no Monumental de Nunes, os argentinos fizeram o mesmo e tentaram agredir a delegação do time brasileiro e os torcedores da equipe tricolor.
 

Redação Terra